Organizada do São Paulo critica presença de Daniel Alves nas Olimpíadas: “Rescinde com o Zé do Batuque”

Convocado por André Jardine, Daniel Alves virou ausência importante no Tricolor Paulista

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Rubens Chiri / saopaulofc.net

A derrota do São Paulo para o Fortaleza, no Morumbi, motivou críticas pesadas por parte da torcida organizada “Independente” . Dessa maneira, Daniel Alves, que está com a seleção olímpica, teve sua rescisão contratual exigida. Isso porque o camisa 10 não pediu dispensa dos Jogos de Tóquio, sendo desfalque em confrontos importantes, inclusive na Libertadores.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Rescinde com o Zé do Batuque, que abandonou o SPFC pra jogar com garotos na Olimpíada, na fase mais crucial do ano”, afirmou a torcida.

Além disso, outros nomes do atual elenco foram criticados. Recentemente, Hernanes, ídolo do São Paulo, teve sua saída acertada, mas a “Independente” cobra que a reformulação no plantel seja ainda maior.

“Vende esses lixos na janela: Pablo, Vitor Bueno. Pega os moleques ‘Nutella’ da base e faz dinheiro (menos Wellington, Nestor e Luan, esses jogam). Rojas bichado nem era pra ter renovado, quando quis ganhar em cima do próprio clube que teve paciência. Gastamos milhões com dois goleiros, Volpi e Jean, que não valem um. E o da base é uma piada”, completou a nota.

Agora, o São Paulo, que segue sem Daniel Alves, se prepara visando o jogo de volta contra o Racing. Na ida, que ocorreu em casa, o time de Crespo ficou no empate por 1 a 1, e vai decidir a vaga nas quartas de final da Libertadores atuando na Argentina. Sendo assim, uma eliminação irá aumentar a crise no clube, cenário que busca ser evitado.

LEIA MAIS