Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Pia Sundhage e mais três: Treinadoras que disputaram as Olimpíadas também como atletas

Inclusive ganharam medalhas nos Jogos

Beatriz Paparazo
Jornalista formada pela Anhembi Morumbi em 2018 e Editora no Torcedores.com desde maio de 2019 Contato: beatriz.araujo@navve.com

Crédito: Sam Robles/CBF

Na primeira edição do futebol feminino nas Olimpíadas, várias atletas, que hoje são treinadoras, disputaram a competição, inclusive a técnica do Brasil, Pia Sundhage. Confira a lista:

PIA SUNDHAGE 

Como atleta – 1996 (Suécia)

Nos Jogos Olímpicos de Atlanta, Pia Sundhage disputou a competição pela Suécia. A seleção disputou apenas três jogos e não passou da primeira fase, com uma vitória e duas derrotas.

Como Técnica – 2008, 2012 (Estados Unidos),  2016 (Suécia) e 2020 (Brasil)

A carreira como treinadora nas Olimpíadas é muito mais vitoriosa do que a de jogadora. Com os Estados Unidos, nas duas edições em que ela esteve no comando, levou o ouro para o país. Já pela Suécia, no Rio 2016, a técnica foi vice-campeã, conquistando a prata, depois de perder a final para a Alemanha. 

Embed from Getty Images

SILVIA NEID 

Como atleta – 1996 (Alemanha) 

Longe do pódio, Silvia Neid ficou em quinto lugar com a Alemanha, que não avançou da fase de grupos, com uma vitória, um empate e uma derrota na Olimpíada de Atlanta.

Como técnica – 2008 e 2016 (Alemanha)

Seguindo o mesmo caminho da Pia, Silvia foi mais vitoriosa como treinadora. No comando da seleção alemã, em Pequim, ela conquistou a medalha de bronze e em 2016 foi ouro no Rio de Janeiro.

Embed from Getty Images

ASAKO TAKAKURA 

Como atleta- 1996 (Japão) 

Como atleta, Asako Takakura não ganhou nenhuma partida nas Olimpíadas, foram três derrotas na campanha do Japão em Atlanta, que deixou a seleção na sétima posição. 

Como técnica – 2020 (Japão)

Estreando como técnica nas Olimpíadas, ela empatou o primeiro jogo contra o Canadá e perdeu a segunda partida para a Grã-Bretanha. O Japão é o terceiro time do Grupo E com um ponto até agora.

Embed from Getty Images

HEGE RIISE 

Como atleta – 1996 e 2000 (Noruega)

Na primeira participação em Olimpíadas, Hege Riise subiu no pódio pela Noruega e ganhou o bronze em 1996. Já nos Jogos de Sydney em 2000, a jogadora ganhou a medalha de ouro, desbancando os Estados Unidos.

Como técnica – 2020 (Grã-Bretanha)

Também estreando como técnica nas Olimpíadas, Hege venceu as duas partidas que disputou, até agora, contra o Chile e contra o Japão, e é líder do Grupo E com seis pontos.

Embed from Getty Images

Leia mais:

Olimpíada de Tóquio: Marta pode quebrar recorde de Cristiane e se tornar a maior artilheira da competição
Olimpíadas: Quantos gols Marta já marcou na competição?
Cristiane, Melanie Behringere e mais: Todas as artilheiras dos Jogos Olímpicos