Renato Gaúcho comete gafe em entrevista e ignora Fluminense e Palmeiras

Técnico rubro-negro estreou no Flamengo com uma vitória fora de casa nas oitavas da Libertadores

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.Twitter: @rafaelbrayan_

Crédito: Alexandre Vidal/Flamengo

A vitória do Flamengo por 1 a 0 contra o Defensa y Justicia na última quarta-feira (14) marcou a primeira partida de Renato Gaúcho no comando da equipe. Em entrevista coletiva após o confronto da Copa Libertadores da América, porém, o profissional cometeu uma gafe em conversa com jornalistas.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!


Leia mais: 

Róger Guedes, Paulinho e mais: Veja acordos que podem ser concretizados

VAR no Brasileirão: Veja os times mais “prejudicados” e “favorecidos”

Ceni causou crise após pedir atletas de Fortaleza, Cuiabá e Ceará; veja nomes


Perguntado sobre o desempenho abaixo na estreia pelo clube rubro-negro, Renato Gaúcho afirmou que o Flamengo tinha sido o único brasileiro a vencer nos jogos de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. Porém, Fluminense e Palmeiras também sairiam vitoriosos nesta semana.

“Até o momento, o único brasileiro que venceu foi o Flamengo, não tem jogo fácil. Eu conheço muito bem o Flamengo, conheço bem essa torcida. Torcedor pode ficar tranquilo que quando todos estiverem à disposição o grupo estará muito mais forte”, disse Renato Gaúcho, que depois relembrou a vitória do Palmeiras contra a Universidad Católica, do Chile.

Renato Gaúcho ainda minimizou a falta de entrosamento do Flamengo na partida e valorizou o resultado. “Se fizer a pergunta ao nosso torcedor se ele gostaria de ver o Flamengo jogando bem e não ter ganho o jogo, pode ter certeza que a opinião dele é a mesma que a minha: importante é que vencemos e demos um passo importante”, afirmou.

“Sabia que iríamos encontrar dificuldades, mas não é fácil ganhar fora de casa na Libertadores. É sempre um jogo complicado, difícil, independente do resultado. Prevaleceu a vontade, concordo que o Flamengo não esteve tão bem, mas o mais importante foi a vitória. Temos mais 90 minutos para jogar no Brasil e carimbar a passagem para a próxima fase”, completou Renato Gaúcho.