Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Renato Gaúcho rebate polêmica em substituição de Gabigol

Flamengo de Renato Gaúcho goleou mais uma vez, mas contou com uma troca que não agradou ao principal atacante da equipe

Rogério Araujo
Jornalista formado pelo Centro Universitário de Brasília - UNICEUB. Colaborador do Torcedores desde 2017. Dono do canal Séries e Filmes no Instagram.

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

Gabigol não gostou de ser substituído por Renato Gaúcho no segundo tempo da vitória do Flamengo sobre o ABC por 6 a 0, nesta quinta-feira (29), pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Em entrevista coletiva após o jogo, o treinador disse que sabe lidar com a situação e ainda brincou com a fama de ‘fominha’ do atacante.

“Ele não saiu irritado. É o chatão do grupo. Ele é chato de manhã, de dia, de tarde, chato o dia todo. Ele é um dos jogadores que não gostam de sair. Mas aí cabe ao treinador. Chatão ele vai ser. Deixa que o treinador sabe lidar. Tem mais uns três ou quatro fominhas que não gostam de sair. Não tem cláusula no contrato que não pode tirar. Mas sempre com jeitinho, falando com eles, mas tem hora que precisam sair para descansar e dar oportunidade ao companheiro que está entrando”, disse Renato.

Ainda na entrevista, Renato Gaúcho analisou o resultado, que praticamente garantiu a classificação para a próxima fase da competição. No jogo de volta, o time pode perder por até cinco gols que mesmo assim avança às quartas de final.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

“Os méritos todos são do grupo. Eu procuro, com a minha experiência, com o pouco tempo de treino que tenho… Tenho treinado eles muito na parte tática. Mas quem entra em campos são os jogadores. Não estou preocupado em atingir uma meta. O mais importante é buscar sempre as vitórias, como temos feito. São cinco vitórias, mas o importante é que a gente vem avançando no Brasileiro. Demos um passo importante na Copa do Brasil. Daqui a pouco acontece com qualquer time, vamos tropeçar. Importante é que temos dado continuidade no trabalho, jogando para vencer, e temos conseguido essas vitórias. A equipe tem feito o que é pedido dentro de campo”, completou.

LEIA MAIS: