Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Liverpool se impõe no Anfield e vence Burnley na Premier League

Liverpool teve mais uma grande atuação no segundo tempo e conseguiu se impor na vitória diante do Burnley, mantendo os 100% na Premier League

Fabrício Carvalho
Jornalista formado / Rio de Janeiro. Redator de notícias, artigos e relatos sobre futebol nacional e internacional, basquete e esportes americanos.

Crédito: Divulgação / Liverpool

Liverpool Liverpool 2-0 Burnley Burnley
Premier League 2021/22 - 2ª Rodada

O Liverpool manteve os 100% na Premiere League 2021/22 com vitória neste sábado (21) sobre o Burnley por 2 a 0 no Anfield Road.

Diogo Jota marcou o gol em primeiro tempo que foi bem administrado pelos Reds. Mas a grande atuação surgiu no segundo tempo onde os Reds conseguiram se impor diante do Burnley que resistiu até Sadio Mané ampliar e encaminhar de vez a vitória.

Foram 24 finalizações favoráveis à equipe de Jurgen Klopp com oito chutes no alvo (6/8 no 2º tempo). O Burnley teve apenas quatro finalizações e dois chutes no alvo, com 34% de posse.

Na próxima rodada, o Liverpool receberá o Chelsea em grande clássico (28/08, 13h30), enquanto o Burnley receberá o Leeds United (29/08, 10h). Antes, os comandados de Sean Dyche terão no meio de semana o Newcastle em jogo da Copa da Liga Inglesa (25/08, 15h45).

Primeiro tempo

O Burnley entrou com marcação compacta em formação 4-4-2 para tirar espaços do Liverpool que tentaria impor seu jogo ofensivo em casa. Barnes e Wood adiantavam em alguns momentos buscando a roubada de bola no meio-campo.

Wood teve a primeira chance real de gol no jogo aos 3′ conseguindo achar Cork nas costas da defesa dos Reds. Alisson conseguiu tirar a bola de perigo mas deixou sobra para McNeil que chegou chutando e parou no desvio de Alexander-Arnold.

Depois deste susto, o Liverpool aumentou bastante a pressão, chegando com perigo com Alexander-Arnold cruzando rasteiro na área (parando no desvio de Taylor) e Salah chutando por cima do gol.

Mesmo sem levar perigo, o Burnley ao menos conseguia reduzir bem os espaços no último terço do campo. Porém, quando o Liverpool voltou a chegar com perigo, a bola entrou. Tsimikas correu pelo flanco esquerdo e acertou um cruzamento preciso para Diogo Jota cabecear e abrir o placar aos 18′.

Alisson teve que trabalhar pela primeira vez na tentativa de resposta imediata do Burnley , que terminou em chute de McNeil com espaço na grande área. O Liverpool saiu em contra-ataque depois do escanteio e Salah finalizou com muito perigo, mas a bola desviou  em Pope e saiu.

O egípcio estava inspirado e aos 27′ marcou o segundo gol ao achar espaço pelo lado direito no cruzamento rasteiro de Pepe, infiltrando-se na grande área e batendo na saída do goleiro. Mas o VAR entrou em ação e rapidamente anulou por impedimento.

No final do primeiro tempo, os visitantes voltaram a ter uma boa chance de marcar na cobrança da falta de Lowton. O goleiro brasileiro tentou achar a bola, mas Tarkowski chegou primeiro e cabeceou. Para a sorte dos Reds, a bola saiu pelo lado direito.

 

Segundo tempo

Logo no início do segundo tempo, o Burnley marcou seu primeiro gol na partida. Barnes fez o cruzamento rasteiro para o centro da grande área e Lowton pegou de primeira, vencendo o goleiro Alisson. Porém, o VAR anulou o lance por impedimento claro na finalização.

Assim como no ocorreu no tempo anterior, a equipe de Jurgen Klopp aumentou a pressão depois de sofrer um susto e passou a dominar o jogo, conseguindo uma sequência de conclusões perigosas no momento de maior imposição.

Aos 13′, Van Dijk bateu escanteio pela direita e Salah acertou mais um chute firme com direção ao gol. A bola parou em Mane, que aproveitou perto da pequena área e arriscou, mas acabou errando o alvo por muito pouco.

Aos 15′, Tsimikas confirmou sua boa atuação em mais uma criação efetiva, passando pelo flanco esquerdo com liberdade para cruzar na área buscando Salah, que ajeitou e encheu o pé esquerdo. McNeil desviou para fora.

Em seguida, Diogo Jota lançou Mane na grande área e a jogada terminou em chute rasteiro com bastante perigo, exigindo reação imediata do goleiro Pope.

Depois de tanta imposição, o Liverpool finalmente chegou ao segundo gol. Elliott fez a tabelinha pelo lado direito confundindo a defesa adversária e Alexander-Arnold cruzou na medida para Mané bater de primeira dentro da área e ampliar a vantagem dos Reds aos 24′.

Com a vitória já encaminhada e um restante de partida mais tranquilo, Jurgen Klopp mexeu na equipe e os brasileiros Thiago Alcântara e Roberto Firmino entraram nos lugares de Keita e Diogo Jota.

Salah ainda construiu mais uma chance perto dos acréscimos com bola no flanco direito e cruzamento  rasteiro para Mane, que não alcançou. O Burnley ameaçou no fim em duas boas oportunidades, mas Alisson não deixou ser vazado e fez duas grandes defesas para manter o 2 a 0.

 

FICHA TÉCNICA
LIVERPOOL 2-0 BURNLEY

Data: 21/08/2021, 08:30
Estádio: Anfield
Árbitro: Mike Dean

Gols: 1T 18′ Diogo Jota (Liverpool); 2T 24′ Mané (Liverpool)

Substituições – Liverpool: Thiago Alcântara (Keita); Roberto Firmino (Diogo Jota); Joe Gomez (Tsimikas)

Substituições – Burnley: Jay Rodriguez (C.Wood); Erik  Pieters (Gundmundsson)

Liverpool (4-3-3): Alisson; Trent Alexander-Arnold, Joel Matip, Virgil van Dijk, Konstantinos Tsimikas; Harvey Elliott, Jordan Henderson, Naby Keita; Mohamed Salah, Sadio Mane, Diogo Jota.

Burnley (4-4-2): Nick Pope; Matt Lowton, James Tarkowski, Ben Mee, Charlie Taylor; Johann Gudmundsson, Josh Brownhill, Jack Cork, Dwight McNeil; Chris Wood, Ashley Barnes.

LEIA TAMBÉM