Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Palmeiras ou Atlético-MG? Renato Gaúcho fala sobre rivais e rasga elogios ao Flamengo

Após mais uma vitória dominando o adversário, Renato Gaúcho exaltou a atuação do Flamengo sobre o Corinthians, na Neo Química Arena

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.Twitter: @rafaelbrayan_

Crédito: Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

O Flamengo não sabe o que é perder desde a chegada do técnico Renato Gaúcho. Em seis jogos, a equipe rubro-negra chegou a seis vitórias que foram elogiadas por torcedores e imprensa. Neste domingo (1), o time carioca derrotou o Corinthians na Neo Química Arena por 3 a 1 e recebeu comentários positivos do próprio treinador, que sempre evita elevar muito a expectativa.

Mercado em CASA

Clique aqui para ter 50% off!

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

Leia mais:

Luan, Lucas Lima e mais: Veja atletas que estão sem espaço e podem trocar de clube na Série A

Felipe Melo na Europa, Gabigol é alvo de rivais e Alex Teixeira: veja os rumores que agitaram o fim de semana


“Sempre procuro trabalhar com o meu grupo para buscar as vitórias. Lógico que nenhum clube vai viver apenas com vitórias, mas trabalhamos para isso. Daqui a pouco vamos tropeçar, é normal. Nem o melhor time do mundo vence todas. Mas estou satisfeito, porque nosso dia a dia tem sido de muito trabalho e alegria. E essa alegria está sendo levada para dentro do campo. Temos feito boas atuações e conseguido os resultados que nos interessam. Por enquanto tem dado certo”, disse, em coletiva.

Renato Gaúcho ainda foi perguntado sobre os níveis dos rivais Palmeiras e Atlético Mineiro, mas preferiu ressaltar que há outros times na disputa pelo Brasileirão. “São dois grandes clubes, mas o Brasileiro tem mais 19 equipes além do Flamengo e respeitamos todas”, afirmou.

“É longo e difícil para todos. Muito competitivo. O mais importante é que estamos conquistando as vitórias e encostando nos líderes. Queremos aos poucos aparecer no G-4. Esse é o objetivo. Mas temos também as outras competições que queremos passar de fase”, completou o técnico do Flamengo.