Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Palmeiras pode alcançar marca histórica na Libertadores que só dois clubes brasileiros conseguiram

Verdão aguarda oponente que sairá do embate entre Galo e River Plate nesta quarta-feira (18)

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter, @cidovieira90.

Crédito: Cesar Greco - Ag. Palmeiras - Divulgação

Jogando um futebol envolvente e letal, o Palmeiras bateu o São Paulo na noite de ontem (17) no Allianz Parque e confirmou sua vaga na semifinal da Copa Libertadores 2021. O triunfo pelo placar de 3 a 0 foi marcado por tentos bonitos e o fim do jejum do alviverde frente ao seu arquirrival em partidas do torneio continental.

Vivo na luta pelo bicampeonato, o Verdão está a três confrontos de atingir uma marca inédita nas últimas duas décadas e uma de repetir uma façanha que só dois brasileiros alcançaram: ser campeão da Libertadores em dois anos seguidos.

Na vasta história da Libertadores, somente sete clubes atingiram tal feito na competição desde 1960. Intitulado de “Rey de Copas”, o Independiente, da Argentina, foi o único a alcançar a marca em duas oportunidades, a segunda delas engatando quatro títulos seguidos. (1964-65, 1972-73 e 1974-74)

Entre os brasileiros, o Santos ( 1962-63) e o São Paulo (1992-93) atingiram a árdua conquista seguida.

No recorte das duas últimas décadas, o Palmeiras pode alcançar o feito registrado pelo Boca Juniors, em 2001. Naquela temporada, o time xeneize faturou o título justamente sobre o Cruz Azul, e como já havia se sagrado campeão sobre o  Verdão no ano anterior, faturou o bi. De lá pra cá nenhuma outra equipe conseguiu a façanha.

LEIA MAIS: