Ícone do site Torcedores – Notícias Esportivas

Dirigente do Grêmio dá apelido e ataca presidente da CBF: “Tá torcendo para o Bahia”

Lucas Uelbel / Grêmio FBPA

Dênis Abrahão, vice de futebol do Grêmio, afirmou que o clube está de olho na arbitragem e teme interferência política

O Grêmio está alertando nos microfones a preocupação que possui com a arbitragem no jogo contra o Bahia na próxima sexta-feira. Interferências políticas são levantadas pelos gaúchos e o discurso mais forte veio nesta quarta. Em entrevista a rádio Bandeirantes, de Porto Alegre, o vice de futebol, Dênis Abrahão, afirmou que o presidente interino da CBF, Ednaldo Rodrigues.

Se fosse pela definição do antigo presidente, o presidente da CBF hoje seria outro! Seria o Sr. Francisco Novelletto Neto e não o Sr. Ednaldo Baiano que tá torcendo pro Bahia!”, disparou antes de completar “O Ednaldo tá em campanha pra ser presidente e quer o apoio do Norte e do Nordeste, que tem uma grande quantidade de clubes”.

A declaração confirma a ideia de suspeição da competição levantada nos bastidores do clube. Por fim, o Grêmio afirma que vê o adversário da sexta-feira beneficiado no campeonato. Conforme Dênis, a tabela do Bahia é muito mais tranquila de ser cumprida do que a gaúcha.

“O Bahia parou no sábado ou no domingo e só vai jogar sexta contra o Grêmio. O Grêmio teve que jogar terça-feira! Calendário do Grêmio é totalmente contrário as regras”, disse.

Série A: CBF admite falhas no VAR e erros em metade das reclamações

Quatro times já estão classificados para a Libertadores; veja quem ainda tem chance de conseguir vaga no Brasileirão

Top 10 artilheiros da Copa Libertadores da América; confira

Libertadores: Flamengo e Palmeiras já jogaram uma final no Centenário, em Montevidéu; veja quem se deu bem

Leia mais:

Sair da versão mobile