Torcedores – Notícias Esportivas

UEFA tomará medidas após 20 a 0 nas Eliminatórias da Copa Feminina

UEFA parece ter se esgotado de tamanho desequilíbrio no futebol feminino de seleções, causando placares enormes como o 20 a 0 da Inglaterra sobre a Letônia

Fabrício Carvalho
Jornalista formado / Rio de Janeiro. Redator de notícias, artigos e relatos sobre futebol nacional e internacional, basquete e esportes americanos.

Crédito: Getty Images

A UEFA confirmou nesta sexta-feira (3) que estará tomando medidas para modificar o formato das Eliminatórias Europeias da Copa do Mundo Feminina da FIFA após goleadas na última rodada.

Esta medida foi rodada depois da Inglaterra ter goleado a Letônia por 20 a 0 e a Bélgica ter vencido a Armênia por 19 a 0 na última Data Fifa. As mudanças foram anunciadas por Nadine Kessller, chefe do departamento de futebol feminino da UEFA.

Keessler disse que o estilo adotado na Nations League para o futebol masculino é uma das ideias em estudo para modificar o formato atual das Eliminatórias, mas nenhuma decisão será tomada agora pois as mudanças serão válidas apenas depois da próxima Copa do Mundo.

Além disso, a UEFA reconhece que mudar o formato de qualificação não será apenas a única medida necessária para evitar um desequilíbrio tão considerável, citando que a pandemia do coronavírus atrapalhou o desenvolvimento de diversas seleções do futebol feminino pelo mundo.

Por fim, assim como ocorre com as discussões no futebol feminino, Kessler criticou veemente a ideia e a demora da discussão da Copa do Mundo bienal, decisão que também afetaria o futebol das mulheres e colocaria o torneio mundial na mesma época da Eurocopa masculina.

Veja o que disse a chefe do futebol feminino da UEFA ao jornal The Guardian

“Existem níveis enormes de inatividade em todo o mundo, nas ligas, no futebol de seleções nacionais, e se você não jogar regularmente, em um nível de elite, por uma seleção nacional, se sua liga não estiver funcionando e tiver que ser cancelada por fatores externos.. tudo isso explica o motivo de estarmos presenciando resultados que antes não aconteciam.”

“O formato vai ajudar a resolver isso com certeza, mas o que cria sucesso e o que cria competitividade? São os investimentos regulares, as estruturas certas no terreno, as ligas nacionais que estão funcionando regularmente, com bons padrões e a participação regular nas nossas eliminatórias para o Copa do Mundo ou Euros.

“É também o conjunto geral de jogadores que permitirá que você profissionalize suas estruturas. É muito importante começarmos a pensar no futebol feminino com uma visão estratégica de longo prazo.”

 

LEIA TAMBÉM

Ronaldo abre o jogo e diz quem deveria ser o treinador da seleção

Confira 5 promessas que se destacaram no Campeonato Brasileiro

Primeiro reforço do Palmeiras, técnicos descartados no Flamengo e Abel pode assumir seleção: as notícias do futebol hoje (3) 

Galhardo pode rescindir contrato na Espanha e voltar ao Internacional

Brasileirão Série A 2021: confira a tabela completa do campeonato

Brasileirão Série B 2021: confira a tabela completa do campeonato