Home Mídia Esportiva Farid e Baldasso recebem indireta de comentarista gaúcho: “Monstros”

Farid e Baldasso recebem indireta de comentarista gaúcho: “Monstros”

Comentarista da Rádio Guaíba, Carlos Guimarães criticou a dupla de influenciadores de Grêmio e Internacional

Marco Maciel
Sou jornalista, formado pela PUCRS em 2007. Trabalhei na web rádio Voz do Futebol. Também fui redator e assessor de imprensa da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade). Edito o site SAMBARIO, voltado para sambas-enredo, desde 2004. No canal do YouTube do portal (@sambariosite), entrevistamos mais de uma centena de personalidades do samba e do carnaval nos tempos da pandemia. Entrei no time do Torcedores.com em maio de 2022 e escrevo para o site NasPistas.com desde maio de 2023.
Farid, Baldasso, CCD e mais: veja a retrospectiva da mídia esportiva gaúcha em 2023

Reprodução/YouTube

PUBLICIDADE

Na manhã desta terça-feira (28), Fabiano Baldasso e Farid Germano Filho foram lembrados na Rádio Guaíba. Durante o programa Ganhando o Jogo, o jornalista Carlos Guimarães disparou contra a dupla de forma indireta. Ou seja, não mencionando os nomes de ambos.

Em seu comentário, o radialista falava das relações dos clubes gaúchos com os influenciadores. Então, Guimarães ressaltou que a direção anterior do Grêmio, comandada pelo ex-presidente Romildo Bolzan Júnior, nunca incentivou o trabalho dos youtubers.

Em contrapartida, destacou que o Internacional alimentou muito mais estes profissionais. “O Inter criou monstro. O monstro do Grêmio, entre aspas, é folclórico. O monstro do Inter é destrutivo. Pensem como vocês quiserem“, declarou Carlos Guimarães, em referências, respectivamente, a Farid e Baldasso.

PUBLICIDADE

Outro debatedor da atração, Gutiéri Sanchez concordou com o colega e complementou. “E tem uma outra coisa. Agora o monstro do Inter ele opta em qual mão ele vai comer. Por muitas vezes nas duas. Vocês tão me entendendo o que eu tô dizendo. E isso é informação“, concluiu.

Fabiano Baldasso, que assumiu ser torcedor colorado em 2016, foi funcionário remunerado do Internacional até 2020, durante a gestão de Marcelo Medeiros. O jornalista costumava viajar por todo o Rio Grande do Sul em eventos consulares, buscando angariar sócios para o clube. Já Farid Germano Filho, que revelou ser gremista em 2021, nunca ocupou cargos no Imortal.