Home Futebol Benja banca campeão paulista após Santos x Palmeiras: “Apostarei”

Benja banca campeão paulista após Santos x Palmeiras: “Apostarei”

Apresentador apontou dois jogadores do time alviverde que merecem titularidade na segunda partida da final

Bruno Romão
26 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: [email protected]
Benjamin Back.

Benja, apresentador da CNN (Reprodução)

Derrotado na Vila Belmiro, o Palmeiras precisa de uma vitória para conquistar o tricampeonato paulista. Apesar da vantagem do Santos, que vem ficando cada vez mais competitivo, Benjamin Back acredita que o Allianz Parque será palco de uma remontada da equipe de Abel Ferreira.

PUBLICIDADE

Anteriormente, nos dois títulos conquistados pelo Palmeiras, São Paulo e Água Santa conseguiram triunfar diante do Verdão nos 90 minutos iniciais Porém, atuando em casa, o time alviverde reverteu ambas as situações, algo que pode se repetir no próximo domingo (7).

“Eu acredito que vai ser um jogão. Na minha fezinha pro domingo que vem, eu ainda apostarei no Palmeiras. Eu ainda acho que o Palmeiras será o campeão paulista. Pelo que jogou, 1 a 0 não foi ruim para o Palmeiras. Também não pode achar que sempre vai reverter. Jogar no Allianz é difícil, vai ter toda torcida, acredito que vai ser outra postura, mas precisa jogar muita bola.”, disse Benja, em seu canal no YouTube.

PUBLICIDADE

“Como eu já vi algumas vezes dando o Palmeiras como morto e ele ressurge gigante do nada, vamos aguardar. Eu acho que o Palmeiras será campeão paulista de 2024.”, acrescentou.

Benja sugere duas mudanças no Palmeiras

Sem brilhar na primeira parte da decisão, o Palmeiras pode ter mudanças no confronto decisivo. Neste contexto, Benja indicou que Rony e Richard Ríos, acionados por Abel Ferreira na Vila Belmiro, merecem começar o segundo embate entre os titulares.

“É um placar totalmente reversível. Eu ainda considero o Palmeiras o melhor futebol jogado do Brasil, mas não pode entrar em uma final do Paulista como entrou. Começou o segundo tempo tomando gol logo de cara, esse não é o perfil do Palmeiras.”

“Eu não deixaria mais o Rony no banco, e não começaria com o Richard Ríos no banco. É uma visão que eu tenho vendo de longe. São dois jogadores que têm que estar jogando de titular. O Rony é um jogador decisivo. Também não sei se eu entraria com dois laterais, acho que não.”, sinalizou.

PUBLICIDADE