Home Futebol Flavio Prado dispara contra presença de goleiro na seleção brasileira: “Não dá”

Flavio Prado dispara contra presença de goleiro na seleção brasileira: “Não dá”

Jornalista não se mostrou satisfeito com presença de Rafael, do SPFC, em lista do Brasil

Bruno Romão
26 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: [email protected]
Flavio Prado criticou nome convocado por Dorival Júnior.

Dorival Júnior, em convocação da seleção brasileira (: Staff images / CBF)

Além de convocar nomes que estiveram na última Copa do Mundo, Dorival Júnior decidiu promover estreias na seleção. Diante disso, após trabalhar com o técnico no São Paulo, Rafael foi uma das novidades em relação ao grupo do Brasil que vai encarar Inglaterra e Espanha. Mesmo que o goleiro seja titular absoluto no Tricolor, Flavio Prado reprovou a presença do atleta como opção na baliza da equipe nacional.

PUBLICIDADE

Interpretando a convocação de Rafael como um cenário “sem condição”, Flavio Prado também mostrou surpresa após Murilo ganhar uma chance. Isso porque o comunicador esperava que Murillo, do Nottingham Forest, fosse chamado por Dorival Júnior, já que o zagueiro está brilhando na Premier League.

“Alguns nomes surpreendem muito. Eu imaginei que ele se enganou com o Murillo, do Nottingham, mas é o Murilo do Palmeiras. Vai botar o Rafael de goleiro? Com todo respeito, não dá! Não tem condição.”, disse Flavio Prado, no programa Bate-Pronto, da Jovem Pan.

PUBLICIDADE

“Me surpreendi com alguns, e acho que essas surpresas não vão jogar. Acho que está tudo certo.”, completou.

Em contrapartida ao caso de Rafael, Flavio Prado exaltou o retorno de Lucas Paquetá à seleção. Ausência em compromissos importantes em 2023, o meia será uma opção importante no setor ofensivo em partidas contra adversários de peso.

“Com 26 é muito difícil não levar jogadores básicos. A volta do Paquetá me parece um acerto muito grande, está jogando muita bola.”, afirmou.

Mauro Cezar reprova convocação de Rafael

Assim como Flavio Prado, Mauro Cezar não vê Rafael com nível para jogar na seleção brasileira. Isso porque, na visão do jornalista, o atleta possui um desempenho questionável no próprio São Paulo, e sequer deveria ser levado em conta na disputa envolvendo as três vagas da posição.

PUBLICIDADE

“O Rafael trabalhou com ele no São Paulo, ok. Mas não tem nível para ser goleiro da seleção. Eu questiono o Rafael como goleiro do São Paulo, acho um goleiro nota 6 ou 7, tem muitos altos e baixos.”

“Eu não dou a mínima para a seleção brasileira, a não ser quando é Copa do Mundo ou algo realmente importante. Esses jogos não vão desfalcar os times em competições importantes, o problema vai ser lá na frente. A lista que vai pesar é a da Copa América.”, sinalizou.