Home Futebol Arnaldo Ribeiro diz que Zubeldía “não vai beijar a mão” de estrelas do SPFC

Arnaldo Ribeiro diz que Zubeldía “não vai beijar a mão” de estrelas do SPFC

Novo técnico do São Paulo é campeão nacional e da Copa Sul-Americana e, para comentarista, é “maior” que Carpini

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
Zubeldía, SPFC

Rubens Chiri / saopaulofc

A chegada do técnico argentino Luis Zubeldía ao São Paulo deve mudar a hierarqiua da comissão técnica em relação ao elenco, segundo o comentarista Arnaldo Ribeiro. Em participação no UOL News Esporte, ele disse que Thiago Carpini era “menor” que vários jogadores do elenco.

PUBLICIDADE

Para ele, Zubeldía, por sua vez, terá outro comportamento e, mesmo jovem, vai se impor contra as estrelas do elenco do SPFC.

“O Carpini, no mundo do futebol, diante do Rafinha, do James, do Lucas, do Calleri, de quem tinha respaldo até, ele era menor. Não é o caso do Zubeldía”, disse Arnaldo Ribeiro sobre a troca do São Paulo, de Thiago Carpini por Luis Zubeldía, atual campeão da Copa Sul-Americana pela LDU.

PUBLICIDADE

“Então, o Zubeldía, por mais jovem que seja, não vai beijar a mão do James, do Calleri, do Lucas, não, é outro tipo de relação porque é outro tipo de rodagem, de experiência.”

A carreira de Luis Zubeldía

O técnico de 43 anos foi jogador do Lanús, mas teve uma carreira curta, aposentando aos 23 anos por problemas físicos. Em 2011, aos 31 anos, assumiu o comando do próprio Lanús e iniciou a carreira de treinador.

Ele comandou ainda o Barcelona Guayaquil, do Equador, e o Racing, da Argentina, chegando em 2014 pela primeira vez à LDU. Ele deixou o clube em 2015 para treinar o Santos Laguna, do México, antes de assumir o comando do Independiente Medellín, na Colômbia.

Em 2017, teve sua única experiência europeia, onde comandou o Alavés na Espanha. Retornou à América do Sul como técnico do Cerro Porteño, do Paraguai, e voltou ao Lanús em 2019.

PUBLICIDADE

Zubeldía deixou o clube em 2022 para treinar a LDU pela segunda vez na carreira. Conquistou dois campeonatos equatorianos pela equipe e levou o time a eliminar o SPFC e derrotar o Fortaleza na final para conquistar a Copa Sul-Americana de 2023.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial