Home Futebol Neto dispara contra dirigentes do Corinthians: “Vaidade e poder”

Neto dispara contra dirigentes do Corinthians: “Vaidade e poder”

Apresentador abordou o atual momento do clube alvinegro; grupo político do Timão passa por um “racha”

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
Arena do Corinthians

Neo Química Arenaantes de jogo do Corinthians. (Créditos: Ricardo Moreira/Getty Images)

O apresentador Neto, do programa “Os Donos da Bola”, da Bandeirantes, utilizou o seu X para criticar o atual momento do Corinthians. O protesto do ex-jogador teve como foco os dirigentes do clube.

PUBLICIDADE

“Ao invés do @Corinthians andar pra frente, a VAIDADE e o PODER dos dirigentes teimam em fazer o clube retroceder. Ridículo!”

O Corinthians vive momentos turbulentos dentro e fora dos gramados. Além de estar na zona do rebaixamento do Brasileirão Série A, o Timão também sofre com divergências na gestão política dentro do Parque São Jorge.

A crise interna está associada a possível demissão do diretor de futebol, Rubens Gomes, o Rubão. O Conselho Deliberativo do Corinthians se posicionou favorável a saída do gestor, o que gerou uma crise interna com o presidente Augusto Melo.

Augusto Melo prometeu “basta” no Corinthians

Após a derrota por 1 a 0 para o Red Bull Bragantino, o presidente do Timão, Augusto Melo, prometeu um “basta” na atual crise. O gestor garantiu mudanças no departamento de futebol, mas não citou o nome de Rubão.

“Isso é Corinthians, é brincadeira isso daí. As pessoas que dizem que são corintianas têm que trabalhar para o Corinthians, fazer o que estamos fazendo, trabalhando 24 horas, largando família, finais de semana, largando tudo em prol do Corinthians”, disse Augusto Melo em Bragança Paulista.

PUBLICIDADE

“Estamos trabalhando dia e noite para tentar arrumar isso, buscar bons parceiros, de repente acontece isso tudo e atrapalha. Essa semana vamos corrigir isso, pode ter certeza. A gente não entendeu nada, é complicado, a gente fica sabendo por vocês. Também não entendi. Estamos pedindo explicação aí.”

Ele seguiu e garantiu mudanças internas no Corinthians durante a semana.

“Vai ter mudança, pode ter certeza disso. vai ter mudança em tudo”, prosseguiu. “Se eu tenho a caneta, eu vou agir com a minha caneta. Se eu errar, a culpa agora é minha, não vou mais errar por culpa dos outros. Chegou a hora de dar um basta.”