Home Futebol Perrone critica fala de Abel Ferreira após derrota do Palmeiras: “Especialista em justificar”

Perrone critica fala de Abel Ferreira após derrota do Palmeiras: “Especialista em justificar”

Treinador reclamou da utilização da Arena Barueri em mais um duelo do Palmeiras no Brasileirão; equipe perdeu para o Athletico Paranaense

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
Abel Ferreira, Palmeiras

Abel Ferreira em ação em Santos x Palmeiras (César Greco / Agência Palmeiras)

O jornalista Ricardo Perrone, em sua coluna do UOL, fez críticas a Abel Ferreira, técnico do Palmeiras, que em entrevista coletiva disse que o time é prejudicado por jogar longe do Allianz Parque. Para ele, a equipe não tem o mesmo desempenho quando atua como mandante na Arena Barueri.

PUBLICIDADE

“Abel Ferreira virou especialista em justificar derrotas do Palmeiras com situações que não têm a ver diretamente com as falhas de sua equipe”, disparou Perrone em sua coluna.

“O mais comum é o treinador culpar a arbitragem. No último domingo (12), a culpa caiu na Arena Barueri.”

PUBLICIDADE

O jornalista destacou que jogar em sua casa é crucial, mas a derrota para o Furacão, atual líder do Brasileirão Série A, não se deu por conta do estádio em Barueri.

“Claro que a atmosfera no Allianz ajuda muito o Palmeiras em campo. E ela não foi igual em Barueri no domingo. Porém, a derrota palmeirense está muito mais ligada ao fato de Abel ter perdido o duelo tático com Cuca”, destacou Perrone.

“O time paranaense complicou o Palmeiras com uma marcação eficiente e machucou o adversário com rápidos contra-ataques.”

Perrone apontou que Abel Ferreira precisa ser cobrado

O jornalista afastou qualquer tipo de “tragédia” no Palmeiras por conta da atual oitava colocação, mas chamou a atenção para o rendimento dotime. Segundo ele, “é pouco” para o que o Verdão tem como material na temporada.

PUBLICIDADE

“O resultado deixou o Palmeiras em oitavo lugar no Brasileirão. É muito pouco para o elenco e a comissão técnica que o Alviverde tem. Também é cedo demais para que essa colocação seja considerada uma tragédia”, disse o jornalista.

“Agora, o treinador precisa ser cobrado para melhorar o desempenho do time. É descabido Abel querer se eximir da cobrança para ser campeão.”