Home Futebol PVC faz revelação sobre processo do Al Sadd contra Abel Ferreira, do Palmeiras

PVC faz revelação sobre processo do Al Sadd contra Abel Ferreira, do Palmeiras

Time árabe alega a existência de um pré-contrato com o treinador do Verdão; comentarista apontou um cenário favorável ao português

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
Abel Ferreira, Palmeiras

Abel Ferreira em ação em Santos x Palmeiras (César Greco / Agência Palmeiras)

O jornalista Paulo Vinícius Coelho, o PVC, abordou o atual momento do técnico Abel Ferreira, do Palmeiras. O português comunicou ao Verdão que poderia ser processado pelo Al Sadd, do Catar, devido a um pré-contrato assinado em novembro do ano passado.

PUBLICIDADE

Abel teve a oportunidade de renovar o seu vínculo com o time palestrino, garantindo a sua permanência por mais duas temporadas, o que não agradou aos árabes. Segundo PVC, o técnico e o seu estafe podem vencer o processo na Fifa.

“O estafe de Abel Ferreira entende que pode ganhar a ação do Al Sadd na Fifa. Não se entra em detalhes jurídicos sobre as cláusulas do contrato, mas a informação é de que o treinador avisou o Palmeiras assim que soube do processo, meses atrás”, apontou PVC.

PUBLICIDADE

“Está tranquilo em relação à eventua hipótese de ter de pagar a multa, se perder na Federação Internacional. Em tese, não há risco para o Palmeiras.”

PVC destacou que Palmeiras não pode ser acusado de “assédio”

O Al Sadd dialogou com o técnico palestrino no final de 2023, próximo ao término do contrato de Abel Ferreira com Palmeiras. O Verdão optou pela renovação, mantendo o português por mais duas temporadas no clube. Segundo PVC, os paulistas não podem ser acusados de “assédio” pela extensão contratual com o seu treinador.

“Quando houve o pré-contrato com o Al Sadd, Abel Ferreira estava sob contrato com o Palmeiras, válido até dezembro de 2024. Não há como acusar os palmeirenses de assédio ao treinador”, destacou PVC, que concluiu.

“É possível o contrário, ainda que a legislação permita assinatura de pré-contratos a treinadores sem prazo determinado, diferentemente dos seis meses previstos para jogadores.”

PUBLICIDADE

O Al Sadd foi à FIFA por conta de um pré-contrato assinado por Abel Ferreira em 15 de novembro de 2023. Conforme o documento, o lusitano se apresentaria ao time árabe no dia 27 de dezembro de 2024.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial