Home Futebol Romário detona tetracampeão com a seleção em 1994 e faz revelação

Romário detona tetracampeão com a seleção em 1994 e faz revelação

Ex-jogador lembrou problema com o então companheiro de seleção antes mesmo do tetra nos Estados Unidos

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016. Radialista na Paiquerê 91,7.
Romário, seleção

Romário comemora gol pela seleção brasileira na Copa do Mundo de 1994 (Divulgação / CBF)

Romário abriu o jogo sobre sua relação com Muller, companheiro de seleção brasileira no tetracampeonato de 1994, nos Estados Unidos, em entrevista ao UOL Esporte.

PUBLICIDADE

O problema de ambos foi revelado na série documental “Romário, o Cara”, da Max, mas o ‘Baixinho’ deu outros capítulos do problema na entrevista.

Segundo ele, Muller foi contra sua convocação à Copa do Mundo de 1990, na Itália, em que o jogador, então no PSV, chegou lesionado e pouco atuou. Romário deixou claro que, se fosse questionado, também não gostaria que Muller fosse convocado para o Mundial de 1994.

PUBLICIDADE

“O negócio do Muller é que ele foi o contrário à minha permanência em 90, e se tivessem me perguntado se eu gostaria que ele fosse convocado em 94, eu falaria que não. Ainda bem que não fui perguntado, por isso que ele foi”, disparou Romário sobre o ex-jogador de Palmeiras e São Paulo.

Ainda segundo ele, a pouca utilização de Muller na Copa do Mundo de 1994 foi justificada, já que Bebeto era insubstituível e, conforme Romário, caso saísse, daria a vaga para Ronaldo.

“E, em relação a ter jogado ou não, ele não ia jogar mesmo, porque o Bebeto era quase impossível de sair. E, se o Bebeto saísse, quem jogaria seria o Ronaldo. O Muller estava sendo inteligente, não ia ficar brigando com a gente”, deixou claro Romário.

Romário quer 2ª temporada de documentário

A 1ª temporada de “Romário, o Cara” contou a saga do ex-jogador rumo à Copa do Mundo de 1994. Para o ‘Baixinho’, é viável uma segunda temporada, já que todas as partidas gostaram do resultado.

PUBLICIDADE

“Ficou aquele gostinho de: ‘quando vai começar a próxima?'”, admitiu o ex-atacante.

“Eu acredito que, de alguma forma, vamos fazer, porque todos estão satisfeitos: Max gostou, a gente gostou, então devem vir mais cinco episódios aí.”

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial