Home Futebol Gilson não renova com o Botafogo e encaminha acerto com clube do interior de São Paulo

Gilson não renova com o Botafogo e encaminha acerto com clube do interior de São Paulo

Gilson atuou por três temporadas no futebol carioca

Wilson Pimentel
Jornalista esportivo desde 1998. Cobriu os principais eventos esportivos da última década. Passou pelas redações do SBT, Record TV, CNT, Esporte Interativo, Rádio Tupi, Rádio Brasil e Rádio Manchete. É correspondente de veículos de comunicação da Colômbia, Croácia, Paraguai e Portugal. Está no Torcedores.com desde 2019.

O lateral-esquerdo Gilson está próximo de deixar o Botafogo. Sem renovar o vínculo com o Alvinegro, clube que defendeu na temporada passada, o jogador está a caminho do Botafogo-SP para assinar contrato de um ano. A informação foi divulgada pelo Futebol Interior e posteriormente confirmada pelo Torcedores.com.

PUBLICIDADE

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

O contrato de Gilson com o Botafogo se encerrou no dia 31 de dezembro. Ainda segundo a reportagem, o lateral de 33 anos não foi procurado pelo comitê de gestão de futebol do clube para tratar do assunto. O atleta tinha salário dentro da realidade financeira estabelecido pelos dirigentes, mas queria renovar o vínculo com um pequeno reajuste salarial.

Gilson estava na lista de jogadores experientes que não ficaram no Botafogo em 2020. Além do lateral, o clube dispensou Rodrigo Pimpão, Arnaldo, Alan Santos, Jean, Yuri, Renan Gorne, entre outros. Apesar de ter atuado por três temporadas pelo clube da Estrela Solitária, o jogador nunca caiu nas graças da torcida.

PUBLICIDADE

Siga o Torcedores também no Instagram

A contratação de Guilherme Santos, lateral-esquerdo que defendeu o Paraná na Série B do Campeonato Brasileiro, em 2019, era um indício de que Gilson não iria permanecer em General Severiano nesta temporada. Além de Guilherme, o Botafogo conta em seu elenco com Lucas Barros, revelado nas divisões de base do clube.

Gilson chega livre ao Botafogo-SP

O Botafogo-SP não terá de pagar nada pela contratação de Gilson. O clube terá apenas a obrigação de pagar o salário mensal do jogador, além das cláusulas previstas em contrato por metas atingidas ao longo deste ano. Por isso, a diretoria do clube paulista viu a negociação com bons olhos.

Em três temporadas vestindo a camisa alvinegra, o lateral-esquerdo fez 100 jogos e marcou três gols. Nesse ínterim, conquistou o Campeonato Carioca de 2018 sob o comando de Alberto Valentim. O jogador se destaca pelo apoio ofensivo e chegada pelo corredor, mas apresenta deficiência na recomposição defensiva e marcação.

Além do Botafogo, Gilson soma passagens por América-MG, Ponte Preta, Cruzeiro, Criciúma, Vitória, Paraná, Cascavel, Cuiabá, Mirassol, São José-RS, Botafogo-SP e CENE-MS, que o revelou.

PUBLICIDADE

LEIA MAIS:

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial