Seleção sub-23 joga bem e goleia Portuguesa por 7 a 0 em último teste antes do Pré-Olímpico

Seleção Brasileira sub-23 voltou a golear em último teste antes do Pré-Olímpico

Matheus Expedito
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero. 22 anos. Amante do esporte bem jogado e admirador de boas histórias.

Crédito: Reprodução/CBF TV

Na tarde desta terça-feira a Seleção Brasileira sub-23 realizou mais um jogo preparatório antes da disputa do Pré-Olímpico. O adversário da vez foi a Portuguesa da Ilha, que disputa a primeira divisão do Carioca. Como era de se esperar, o time comandado por André Jardine goleou, por 7 a 0, com destaque para a atuação do atacante Paulinho, que marcou duas  vezes. Yuri Alberto, Bruno Tabata, Reinier, Matheus Cunha e Antony também fizeram os seus.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Esse foi o último desafio da seleção na Granja Comary, em Terespólis. A delegação desce para o Rio de Janeiro ainda nesta terça-feira. Amanhã pela manhã, por volta das 6h, a seleção embarca rumo à Colômbia. A estreia no torneio será no dia 19, contra o Peru.

A partida da seleção:

O time de André Jardine entrou em campo com os atletas considerados reservas: Phelipe Megiolaro; Dodô, Nino, Bruno Fuchs e Iago; Maycon, Igor Gomes e Reinier; Bruno Tabata, Pepê e Yuri Alberto.

Na primeira metade de jogo, três gols foram anotados com Yuri Alberto, Bruno Tabata e Reinier. O flamenguista foi o mais participativo do primeiro tempo, participando diretamente de dois tentos. Ponto também para Tabata, que fez boa jogada individual para marcar o seu gol.

Já no segundo tempo, Jardine colocou a equipe principal que provavelmente iniciará o Pré-Olímpico: Ivan; Guga, Nino, Robson Bambu e Caio Henrique; Bruno Guimarães, Matheus Henrique e Pedrinho; Antony, Paulinho e Matheus Cunha. No decorrer ainda deu tempo para os retornos de Fuchs e Igor Gomes, que entraram no lugar de Nino e Matheus Henrique, respectivamente.

Quem se sobressaiu foi o ex-vascaíno Paulinho, que marcou duas vezes, sendo que um deles foi um golaço da entrada da área. Matheus Cunha e Antony também deixaram suas marcas.

LEIA MAIS: