Após ser provocado, Sassá tenta agredir goleiro reserva do Manaus

Jogadores do clube amazonense comemoração a eliminação do Coxa com a “sarrada no ar”

Lucas Meireles
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Desde que chegou ao Coritiba, Sassá marcou três gols em quatro jogos. Mas os números ficaram em segundo plano após a briga (Foto: Reprodução/Facebook Oficial do Coritiba)

O atacante Sassá, do Coritiba, não teve um noite feliz na última quarta-feira (12). O camisa 99 perdeu pênalti e ainda viu o Coxa Branco ser eliminado da Copa do Brasil pelo Manaus. Além disso, o centroavante ainda voltou a se envolver em confusão.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Por onde passa, o atacante Sassá costuma ser conhecido pelos gols e, sobretudo, pelas provocações aos adversários. A “sarrada”, inclusive, é sua tradicional comemoração.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

No entanto, diante do Manaus, o camisa 99 vivenciou o outro lado da moeda. E não reagiu bem. Após o apito final, o atacante viu o goleiro reserva do Gavião do Norte, Gleibson, comemorar com a “sarrada”. Sassá então tentou partir para cima do arqueiro, mas acabou sendo contido por jogadores e membros da comissão técnica do clube manauara.

Confira no vídeo abaixo:

Após a partida, o juiz baiano Diego Pombo Lopez relatou a confusão na súmula. De acordo com o árbitro, o atacante do Coxa teria iniciado “um princípio de tumulto”.

“Conduta do atleta – informo que após o término da partida o sr jogador, Luiz Ricardo Alves (Sassá) nº99 da equipe do Coritiba FC, iniciou um princípio de tumulto, indo em direção ao goleiro reserva da equipe do Manaus FC , que se encontrava no banco de reserva da sua equipe. Informo que o mesmo foi contido por seus jogadores companheiros”, diz a súmula.

Sassá em outras brigas

Esta não foi a primeira que o atacante se envolveu em confusões em partidas. Em 2018, Sassá, então no Cruzeiro, desferiu um soco no rosto do lateral Mayke, do Palmeiras. Na ocasião, a Raposa eliminou o Alviverde da Copa do Brasil. Relembre abaixo:

Leia Mais