Tênis: dois torneios ATP 250 e um ATP 500 agitam a semana do esporte

A semana do tênis será agitado com três competições se iniciando.

Felipe Persiani
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/Facebokk

Do dia 10 até o dia 16 três torneios de nível ATP marcam a segunda semana de fevereiro. São eles: ATP 500 de Roterdã, ATP 250 de Buenos Aires e ATP 250 de Nova York.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Tênis – agenda da semana

ATP 500 de Roterdã

O primeiro campeonato aconteceu em 1974. O holandês Tom Okker foi o primeiro vencedor. O segundo tenista local a vencer o ATP 500 da Holanda foi em 1995, ou seja, 21 anos sem um holandês levantar a taça. Alguns jogadores lendários vencedores do torneio: Arthur Ashe (2x), Dick Stockton, Jimmy Connors (2x), Bjorn Borg, Guillermo Vilas, Stefan Edberg, Boris Becker e Roger Federer. O recorde de público aconteceu em 2013, com 116.354 pessoas participando do certame, do início ao fim.

Alguns tenista de renome que vão participar da atual edição: Agut, Shapovalov, Fognini, Rublev, Tsitsipas, Medvedev, entre outros.

ATP 250 de Nova York

É o único campeonato indoor dos Estados Unidos, ou seja, quadra fechada. Os tenistas disputam a premiação de mais de 700 mil dólares. Inicialmente era localizado em São Francisco, em 1990. Nos último 28 anos mudou de local duas vezes. Primeiramente para San Jose e depois para Memphis. John McEnroe, Pete Sampras, Andre Agassi, Andy Roddick, Michael Chang e Andy Murray já venceram o ATP 250 de Nova York. Principais nomes que competem em 2020: Kevin Anderson, Isner, Opelka, Raonic, entre outros.

ATP 250 de Buenos Aires

O torneio faz parte do ATP World Tour há 20 anos. Vários tenistas de peso já conquistaram este campeonato: Nadal, Guga, Ferrer, Moyá, Nalbandian e outros tenistas de renome. Os principais atletas da atual edição são: Ruud, Coric, Garín, Viñolas, entre outros. O brasileiro Thiago Monteiro está na chave principal e já venceu na estreia. O derrotado é o espanhol Munar Clar. Na segunda rodada encara o croata Borna Coric.

LEIA MAIS

Bia Haddad é suspensa por 10 meses após doping