Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

5 jogadores famosos no Brasil, mas que nunca jogaram na Europa

Nem todos os boleiros conhecidos precisaram atuar no Velho Continente

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Pedro Vilela/Getty Images

Em tempos passados era comum um jogador de futebol não deixar o Brasil para ir para a Europa, já que as moedas não tinham tanta diferença e os clubes gringos pouco buscavam reforços por aqui.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Mas conseguir fama no futebol atuando nos anos 1990 e nos anos 2000 sem jamais ter pisado no Velho Continente é uma coisa para poucos.

Veja abaixo 5 jogadores famosos no Brasil que jamais atuaram na Europa:

Dagoberto
O atacante, pentacampeão do Brasileirão, apareceu no Athletico Paranaense e se destacou no clube. Passou com sucesso por São Paulo e Cruzeiro, além de ter atuado ainda por Internacional, Vitória e Londrina. Sua única experiência fora do país foi no fim da carreira, em 2017, no Dallas (EUA). Chegou a receber proposta para ir para o Velho Continente em 2009, mas não foi.

Zinho
Mais um pentacampeão do Brasileirão na lista, Zinho é outro que jamais jogou na Europa e mesmo assim tem um título mundial pela Seleção Brasileira no currículo, em 1994. Passou por gigantes brasileiros como Palmeiras, Flamengo, Cruzeiro, Grêmio, entre outros, e teve sua única experiência internacional no Japão.

Marcos
O goleiro é ídolo do Palmeiras e foi mais um a jamais ter deixado o Brasil. Campeão da Copa do Mundo de 2002 como titular do time de Felipão, quase foi para o continente no ano seguinte, quando o Arsenal chegou a levá-lo para fazer testes. Marcos não quis ficar e voltou a jogar a Série B pelo Verdão.

Rogério Ceni
A história de Rogério é muito semelhante à de Marcos, inclusive pelo título de Copa do Mundo em 2002, mas como reserva da equipe. O goleiro revelou que recebeu proposta para deixar o São Paulo e atuar na Europa em 2008, mas recusou.

Fábio
O goleiro do Cruzeiro nunca teve tanto sucesso quanto os citados acima na Seleção Brasileira, mas sempre foi considerado um dos melhores da posição. Atuou por Athletico Paranaense e Vasco antes de chegar ao clube mineiro e se tornar o jogador com mais partidas na história da Raposa. Já revelou recusas a propostas da Espanha e da Inglaterra.

Leia mais:
Copa de 1950 e Copa Rio de 1951: 12 brasileiros estiveram nas duas competições históricas; conheça todos

As melhores notícias de esportes, direto para você