Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Presidente do Internacional lamenta pancadaria em fim de clássico: “Não entrei para ajudar o Inter a estimular esse tipo de lance”

Colorado e Tricolor ainda se enfrentarão mais uma vez no torneio continental

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter @cidovieira90.

Crédito: Ricardo Duarte - Divulgação - Internacional

O primeiro Gre-Nal na história da Libertadores foi manchado por uma confusão protagonizada pelos jogadores das duas equipes já reta final do embate na Arena do Grêmio. Após oito jogadores expulsos e contensão dos ânimos exaltados, o embate foi reiniciado, mas seguiu com o placar zerado. Após o clássico, o presidente do Internacional, Marcelo Medeiros, lamentou o episódio, e deu sua justificativa por não ter entrado em campo no momento do atrito.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva! Siga o Torcedores também no Instagram

“Eu não entrei para ajudar o Inter a estimular esse tipo de lance. São coisas que a gente reprova”, comentou. “Gre-Nal deve ser pegado, mas não é para isso”, acrescentou. “A gente fica com vergonha quando as coisas chegam neste ponto.” Oito jogadores foram expulsos na Arena, quatro de cada lado.

O mandatário do Colorado, no entanto, aproveitou para criticar a conduta do árbitro na partida. “Foi muito tumultuado. Nos lances que eu pude ver, em celular aqui, o Edenilson não fez nada. O bandeirinha, na minha avaliação, errou em vários lances”, disse. “Mas passou. A gente criou muito. Duas bolas no poste. O Inter merecia essa vitória”, pontuou Marcelo.

Após o apito final, jogadores de Internacional e Grêmio se desculparam pelo ocorrido. Um deles foi o goleiro Marcelo Lomba “Passou do ponto e isso não é legal. São coisas que os dois times vão conversar”, comentou. “A gente errou, assumiu o erro. Não deu para entender direito o que aconteceu. De repente é uma faísca e começa algo”, explicou.

Transmitido exclusivamente pelo Facebook Watch através da página oficial da Copa Libertadores, o primeiro Gre-Nal da Libertadores bateu recorde de audiência, superando a casa dos 2 milhões de espectadores.

LEIA MAIS: