Arnaldo Ribeiro: Parada por causa do coronavírus é necessária. E ruim para o São Paulo…

Período pode servir, no entanto, para o São Paulo procurar maneiras de atuar fora de casa

Arnaldo Ribeiro
Colunista do Torcedores.com e comentarista do SporTV.

Crédito: Divulgação / Rubens Chiri / saopaulofc.net

Primeiro, a Libertadores. Depois, o Paulista. Por conta do coronavírus o futebol foi parando no Brasil até que parou de vez. E não existia a menor condição para a bola continuar rolando…

O fato é que a paralisação chega justamente no momento em que o São Paulo vivia seu melhor momento sob o comando de Fernando Diniz. As vitórias seguidas, com toda a autoridade, sobre LDU (com ótimo público) e Santos (sem público no Morumbi) comprovam isso.

O São Paulo mostrou ser um time com identidade e padrão de jogo. Sinais que já havia dado em algumas partidas esparsas no ano passado – sempre em seu estádio…

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Esse é um fator significativo. O time de Diniz é muito forte. Se impõe. Controla o jogo. Domina o adversário. Mas tudo isso dentro de casa.

Falta à equipe uma alternativa para jogos fora, onde muitas vezes se transforma em presa fácil.

Por esse simples fato, o São Paulo ainda não é um time completamente confiável. Talvez seja o melhor time do Campeonato Paulista até então, mas não abriu a vantagem que se esperava. Na Libertadores, vive situação de risco. Tudo por conta da inoperância e fragilidade como visitante.

Na parada, Fernando Diniz (quando puder voltar a treinar o time) tem esse desafio. Encontrar uma maneira de atuar, talvez utilizando outros jogadores, fora de casa. Se conseguir, terá consolidado seu melhor trabalho como técnico de futebol até então. Se conseguir…

LEIA MAIS:
Coronavírus no esporte: siga AO VIVO as últimas atualizações