Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Presidente do Grêmio diz que gostaria de ser campeão da Libertadores vencendo o River Plate

Times tiveram um encontro polêmico na Libertadores de 2018

Rogério Araujo
Jornalista formado pelo Centro Universitário de Brasília - UNICEUB. Colaborador do Torcedores desde 2017. Dono do canal Séries e Filmes no Instagram.

Crédito: Lucas Uebel/Grêmio

Presidente do Grêmio, Romildo Bolzan disse durante participação no programa Debate Final, do Fox Sports, desta quarta-feira (18), que gostaria de ser campeão derrotando o River Plate na final da Libertadores.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

O time de Renato Gaúcho foi eliminado pelos argentinos na semifinal da Copa Libertadores de 2018, o que deixou um gosto amargo no tricolor.

“Eu ainda tenho um gosto amargo do gosto de 2018, da semifinal contra o River Plate, por conta do gol de mão que eles fizeram e da situação envolvendo o treinador deles, que foi um deboche. Eu tenho isso engasgado, então eu gostaria muito de ser campeão sobre o River Plate. Aquilo não foi uma prática esportiva. Aquilo foi uma esperteza chancelada pela Conmebol”, disse Romildo.

Mesmo com o desejo de um encontro com o River em uma possível final, o dirigente acredita que o título da Copa Libertadores deste ano ficará com uma equipe brasileira.

“Acho que os mais difíceis de enfrentar na Libertadores são os clubes brasileiros. eles estão muito fortes. Todos são favoritos. Tenho vontade de enfrentar o River Plate na final, mas acho que a Libertadores ficará entre os brasileiros”, completou o mandatário tricolor.

LEIA MAIS: