Leandrinho relata medo ao contrair Coronavírus: “Pior noite da minha vida”

Jogador testou positivo e não pôde acompanhar o nascimento da filha; esposa também teve a doença

Ricardo Antunes
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: João Pires/LNB

O ala-armador Leandrinho, do Minas Tênis Clubes, e sua esposa, a modelo Talita Rocco, contraíram o novo Coronavírus. Em entrevista ao The New York Times, o atleta revelou que ambos foram infectados dias antes do nascimento da filha. Ele ainda apontou medo por conta do diagnóstico.

Aquela foi a pior noite da minha vida. Eu realmente senti que ia morrer. Eu estava com febre louca. Minha cabeça estava extremamente ruim . Senti muita dor nas costas, não consegui encontrar uma posição para me deitar”, contou o jogador.

Leandrinho começou a sentir os sintomas após a vitória do Minas por 77×70 sobre o Corinthians, pela NBB. A partida aconteceu em 14 de março, no Ginásio Wlamir Marques, mas não teve público. Ele piorou nos dias seguintes, foi submetido a exames que constataram o novo Coronavírus.

Esposa de Leandrinho também contraiu vírus

Só que a esposa do jogador também testou positivo e ainda com um agravante. Ela estava grávida. Os médicos decidiram que o parto seria induzido, pois assim preservaria a saúde da bebê. A mãe de Talita a acompanhou e assistiu ao nascimento de Isabela através do FaceTime.

“Eu não sabia o que fazer. Tudo o que fiz foi dizer à minha esposa que ela teria que enfrentar aqueles momentos sozinha” disse Leandrinho.

Isabela nasceu sem o vírus, mas como precaução a família só pôde buscá-la no hospital no dia seguinte do seu nascimento. Já Leandrinho teve que esperar duas semanas para poder vê-la.

Confira a nota do atleta

Após ter realizado jogo defendendo o Minas contra o Corinthians na cidade de SP no dia 14, permaneci na cidade até o dia 16, quando retornei a Belo Horizonte.

No dia seguinte, dia 17, senti alguns sintomas de mal estar, porém me apresentei ao clube no dia seguinte (18), juntamente com os demais atletas, quando a atividade que estava programada pelo clube foi cancelada e fomos orientados a seguir a quarentena.

Porém, ao longo do mesmo dia (18), o mal estar aumentou bastante, quando contactei o clube, através do Diretor Alexandre Cunha e comuniquei o que estava ocorrendo. Através deste contato, fui direcionado para conversar com a Dra. Carla Tavares que me orientou como tomar os primeiros cuidados e me encaminhou para realização de exame do Covid 19 no dia seguinte (19) ainda na cidade de Belo Horizonte, assim como, orientação para meu deslocamento a SP, onde permaneceria em isolamento na casa de meu irmão.

Na mesma data, dia 19, o clube foi comunicado da realização do exame através de minha esposa Talita ao diretor Alexandre Cunha.

As orientações foram seguidas e cumpridas, com meu deslocamento sendo realizado através de carro, minimizando riscos para terceiros.

Já estando na cidade de SP em isolamento na casa de meu irmão, no dia seguinte (20), o clube teve contato e notícias minhas através de minha esposa Talita junto ao diretor Alexandre Cunha.

Permaneci em isolamento na casa de meu irmão no dia 21 e recebi o resultado do exame no dia 22, através da Dra. Carla Tavares, que informou a minha esposa, que no mesmo, testava positivo para o Covid 19, cujo resultado foi imediatamente comunicado ao clube, através de minha esposa Talita junto ao diretor Alexandre Cunha. Tentamos a realização da contra prova, porém não houve possibilidade de realização, pois os hospitais na cidade de SP só estavam realizando em pacientes sintomáticos e já internados.

Desta forma, com orientação médica, decidimos pelo nascimento antecipado de minha filha Isabela, para que os riscos fossem minimizadas a ela e minha esposa, quando acompanhei o mesmo através de chamada de vídeo. Após o parto, ainda permaneci cumprindo o isolamento na casa de meu irmão, só tendo a oportunidade de conhecer minha filha pessoalmente após o fim da quaretena indicada como precaução.

LEIA MAIS: 

Ídolo da Seleção Brasileira e Corinthians, Gerson Victalino morre aos 60 anos

Lakers almejam voltar a treinar antes de 15 de maio

NBA libera que equipes voltem a treinar, com restrições