Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Você sabe quem foi o primeiro jogador brasileiro a atuar no Campeonato Inglês?

Há mais de três décadas, um brasileiro desembarcou em solo britânico para disputar o Campeonato Inglês

Gabriel Girardon
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/Site oficial Newcastle United

O governo britânico autorizou nesta sexta-feira (15) a volta da disputa do Campeonato Inglês. O retorno deve ocorrer em junho. A liga, considerada uma das principais do futebol mundial, conta com alguns brasileiros. Mas você sabe quem foi o primeiro?

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Voltemos aos anos 1980, mais precisamente em 1987. A Seleção Brasileira participou de um torneio na Inglaterra. Então jogador do Palmeiras, o centroavante Mirandinha se destacou na conquista do time canarinho. Já no radar do Newcastle, foi contratado pelo time inglês.

Assim, se tornava o primeiro brasileiro a atuar no Campeonato Inglês. No total, foram duas temporadas de Mirandinha com o Newcastle, onde atuou em 67 partidas, marcando 24 gols. Mais do que isso, foi quem abriu as portas para os brazucas no futebol bretão.

Na Premier League

Em meados de 1992, o futebol na Inglaterra teve uma mudança significativa, com a criação da Premier League. O novo modelo fez a liga se desenvolver e, ao passar dos anos, se tornar uma das mais ricas do mundo, assim como os clubes que a disputam.

Na temporada 1995/1996, a quarta da nova era do Campeonato Inglês, houve a chegada do primeiro brasileiro. Na verdade, dois. Por ordem, o atacante Isaías, então ídolo do Benfica, chegou ao modesto Coventry City.

Logo em seguida, o meia Juninho Paulista, recém contratado pelo Middlesbrough, também fez sua estreia naquela temporada da Premier League. Mas, por questão de datas, Isaías foi, de fato, o pioneiro a entrar em campo.

LEIA TAMBÉM
O que você precisa saber sobre o possível retorno da Premier League

Há oito anos, Aguero marcava no último minuto para quebrar jejum de 44 anos do Manchester City