10 zagueiros que fugiram à regra e se tornaram batedores de falta

O Torcedores.com lista 10 zagueiros que não se limitaram apenas em defender, mas também deixaram seus golzinhos de falta

Diego Lucio Castro de Oliveira
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução/Twitter

A melhor defesa é o ataque? Para alguns zagueiro sim. Por mais que a principal função da zaga seja a de defender, tivemos excelentes defensores que também mostraram seus dotes lá na frente.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Pensando nisso, o Torcedores.com resolveu listar 10 desses zagueiros que se destacaram como grandes cobradores de falta. Alguns fizeram gols pontuais, e outros viraram especialista na bola parada.

10 zagueiros que fugiram à regra e marcaram gols de falta:

Ronald Koeman

Koeman foi um zagueiraço holandês, que fez carreira pelos três principais clubes de seu país: Ajax, PSV Eindhoven e Feyenoord. Mas foi no Barcelona, onde mostrou seu poder artilheiro para o mundo. Destaca-se o gol do título da Copa dos Campeões da Europa em 92. Assim como boa parte de seus gols, uma pancada no canto do goleiro.

Mihajlovic

Diferente de Koeman, Sinisa Mihajlovic tinha cobrança de falta mais colocada, e muito precisa. O zagueiro surgiu no timaço do Estrela Vermelha, mas fez carreira no futebol italiano. Foi jogando pela Lazio inclusive, que chegou a fazer incríveis três gols de falta no mesmo jogo.

Célio Silva

Este foi um dos casos da lista, que não chegou a virar um especialista. Mas não dá pra negar, que a bomba no pé direito de Célio Silva, causou medo em muita gente.

Alex

Alex teve a honra de jogar em gigantes do futebol mundial, como Santos, Chelsea e Milan. E em todas as equipes que passou, deixou suas pancadas de falta. Com ele não tinha jeitinho não. Só bomba de muito longe.

Juninho

Já Juninho variava entre as ‘colocadas’ e as ‘bombas’. Se destacou principalmente com a camisa do Botafogo, e dá pra dizer que foi um especialista nas faltas enquanto esteve no clube.

Chicão

O ‘Xerifão’ alvinegro está com certeza entre os melhores zagueiros da história do Corinthians. Claro que pelo currículo vitorioso entre 2008 e 2013, mas muito também pelos 42 gols feitos vestindo a camisa do clube. Entre esses 42, muitos foram de falta.

Rodrigo

Outro que não se tornou exatamente um especialista, mas também levou muito perigo aos goleiros adversários. Rodrigo é mais um desses zagueiros que variava entre batidas fortes e colocadas. Seu melhor momento ofensivo, com certeza foi no Vasco entre 2014 e 2017.

David Luiz

Nos clubes onde jogou, David Luiz fez sim alguns gols de falta. Mas se perguntar para qualquer torcedor, o gol lembrado será com a camisa da seleção brasileira na Copa do Mundo de 2014. O adversário era a Colômbia e a fase, quartas de final.

Rafael Vaz

O zagueiro já tinha mostrado seus dotes no Vasco e Flamengo, mas foi no Goiás em 2019, que se consolidou entre os zagueiros artilheiros em cobrança de falta. Em um campeonato com poucos gols de bola parada, Rafael Vaz conseguiu marcar três vezes, se tornando o líder nesse quesito.

Anderson Salles

Revelado no Santos, Anderson Salles começou sua ‘carreira artilheira’ no Ituano onde fez 22 gols em quatro anos de clube. Teve passagens mais modestas por Vasco e Goiás, e no Santa Cruz se consolidou como grande batedor de faltas.

LEIA MAIS
Dida, Cássio e mais; 10 defesas de pênaltis marcantes na história do Corinthians

6 anos de Arena Corinthians: confira números e curiosidades sobre a casa do Timão

Domingos da Guia, Gamarra e mais; os melhores zagueiros da história do Corinthians