Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Amanda Nunes vence Felicia Spencer por decisão unânime e continua como campeã peso-pena do UFC

No main-event do UFC 250, a brasileira Amanda Nunes venceu a canadense Felicia Spencer, e se manteve com seus dois cinturões

Diego Lucio Castro de Oliveira
Torcedor do Corinthians, amante de MMA e Pro-Wrestling, profissional de TI e futuro jornalista

Crédito: Reprodução/UFC

E deu Brasil no evento principal do UFC 250! Amanda Nunes venceu com certa tranquilidade a desafiante Felicia Spencer, e se manteve como campeã absoluta da categoria peso-pena. Vale lembrar que a brasileira também é campeã das peso-galo.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

O combate:

1º round

Round tranquilo para a brasileira. Uma boa sequência de golpes, e logo Amanda Nunes aplicou bela queda. Ali ela se sobrepôs no round. Coube a Felicia Spencer, apenas se defender.

2º round

O cenário foi o mesmo. Amanda Nunes conectou os melhores golpes, aplicou a queda, e a canadense apenas se defendeu.

3º round

Dessa vez, Felicia Spencer resolveu ir pra cima. Mas os contra-ataques da Leoa, eram sempre perigosos. Na trocação, Amanda era muito superior.

4º round

O cenário continuou parecido, mas Felicia encaixava alguns bons golpes. Amanda Nunes continuava ofensiva, e o round foi mais franco que os primeiros. Mas no finalzinho, em excelente sequência da brasileira, Felicia tentou ir pro chão e a Leoa conectou o estrangulamento, mas a canadense foi literalmente salva pelo gongo.

5º round

Felicia Spencer passou a atacar as pernas da brasileira, e Amanda Nunes passou a administrar o combate. A brasileira continuou encaixando bons golpes. O suficiente para sangrar o rosto de Spencer e paralisar a luta. Na volta, a Leoa continuou dominando até o último soar do gongo

Resultado final: Amanda Nunes venceu Felicia Spencer por decisão unânime (50-44, 50-44 e 50-45)

Essa foi a primeira defesa de cinturão da brasileira na categoria peso-pena, sendo a primeira lutadora entre homens e mulheres a defender o título de duas categorias no UFC.

LEIA MAIS
10 lutadores que devem ser as próximas grandes estrelas da WWE no futuro

Imbatível? 10 lutadores que já derrotaram Brock Lesnar na WWE

As melhores notícias de esportes, direto para você