Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Dos popstars ao desconhecido Pablo Marí: relembre as contratações que renderam um bom dinheiro ao Flamengo

Flamengo já faturou quase R$ 200 milhões com venda de jogadores nos últimos anos

Wilson Pimentel
Jornalista esportivo desde 1998. Cobriu os principais eventos esportivos da última década. Passou pelas redações do SBT, Record TV, CNT, Esporte Interativo, Rádio Tupi, Rádio Brasil e Rádio Manchete. É correspondente de veículos de comunicação da Colômbia, Croácia, Paraguai e Portugal. Está no Torcedores.com desde 2019.

Crédito: Alexandre Vidal /Flamengo

Atual campeão da Copa Libertadores da América, o Flamengo é o clube que tem o maior poderio financeiro do futebol na América do Sul. Segundo o site alemão “Transfermarkt”, maior autoridade no mercado do futebol, o time dos super astros Gabriel Barbosa, Bruno Henrique, Éverton Ribeiro e Arrascaeta está entre os 100 mais valiosos do mundo.

Mercado em CASA

Clique aqui para ter 50% off!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Siga o Torcedores também no Instagram

De acordo com o site alemão “Transfermarkt”, o Flamengo tem um elenco avaliado em 151,2 milhões de euros (R$ 893,3 milhões). Logo depois, estão River Plate, Palmeiras, Grêmio e Boca Juniors. Com isso, o rubro-negro ocupa a posição de número 67 no ranking que é liderado pelo Manchester City. A princípio, o time de Pep Guardiola está estimado em 1,27 bilhão de euros.

O Flamengo, antes de mais nada, se tornou na maior vitrine do futebol sul-americano após receber a Recopa Sul-Americana, a Copa Libertadores da América, a Supercopa do Brasil, o Campeonato Brasileiro e o Campeonato Carioca entre 2019 e 2020. Com isso, o clube se tornou uma máquina de fazer dinheiro. Os resultados, porém, foram conquistados graças a organização financeira feita durante a gestão Eduardo Bandeira de Mello.

Por isso, o Torcedores.com elaborou uma lista com 9 jogadores que vestiram a camisa do Flamengo e que renderam um bom dinheiro ao clube. Entre eles, jogadores com passagem meteórica como Pablo Marí, que foi contratado em definitivo no começo desta semana pelo Arsenal. A expectativa é que toda a operação renda até 16 milhões de euros (R$ 95 milhões). De 2013 a 2020, o clube já arrecadou R$ 186,8 milhões com venda de jogadores. Confira a lista!

Alejandro Donatti

Sem render o esperado, o argentino foi vendido pelo Flamengo em 2017. O zagueiro foi negociado por R$ 5,5 milhões com o Tijuana, do México. Contratado com status de titular, Donatti teve passagem apagada pelo clube. Ele, nesse ínterim, disputou 11 partidas e não conseguiu se firmar.

Federico Mancuello

À princípio, o meia argentino chegou cotado para assumir a camisa 10 do Flamengo. Mancuello, porém, alternou bons e maus momentos no clube. De 2016 a 2018, o gringo disputou 69 partidas e marcou 10 gols. Logo depois, foi vendido por R$ 6 milhões com o Cruzeiro.

Fernando Uribe

Chegou com status de artilheiro no Flamengo. O colombiano disputou 37 partidas e marcou 8 gols com a camisa rubro-negra. O centroavante, porém, não correspondeu às expectativas como substituto de Paolo Guerrero. Além disso, sequer conseguiu ameaçar a titularidade de Henrique Dourado. Posteriormente foi negociado por R$ 6,5 milhões com o Santos.

Gustavo Cuéllar

Um dos jogadores mais queridos pela torcida, Cuéllar teve saída conturbada do Flamengo por não considerar que não era reconhecido financeiramente. Sem acordo com o clube, o colombiano foi negociado por R$ 34 milhões com o Al Hilal, da Arábia Saudita. Ele, nesse ínterim, disputou 168 partidas com a camisa rubro-negra. Logo depois, a diretoria investiu o dinheiro na contratação do meia Gerson.

Henrique Dourado

Chegou com status de popstar após ser artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2018. O centroavante, porém, não repetiu com a camisa rubro-negra as boas atuações que teve pelo rival Fluminense. Logo depois, o Ceifador foi negociado com o Henan Jianye, da China, por R$ 20 milhões. Henrique Dourado, nesse ínterim, disputou 46 jogos e fez 15 gols.

Jonas

Contratado pelo Flamengo em 2015, o volante foi negociado por R$ 9 milhões com o Al-Ittihad, da Arábia Saudita. O “Schweinsteiger do Nordeste” fez 61 jogos e marcou 1 gol com a camisa rubro-negra. Jonas, porém, nunca conseguiu se firmar no clube. Com isso, foi emprestado seguidamente, acumulando passagens por Ponte Preta, Dinamo Zagreb e Coritiba.

Kayke

Revelado pelo Flamengo, o atacante voltou a defender o clube após boa passagem pelo ABC (RN). Kayke teve participação destacada no Brasileirão de 2015. Ele, nesse ínterim, marcou 6 gols com a camisa rubro-negra. Com isso, foi vendido por R$ 7,5 milhões para o Yokohama Marinos, do Japão.

Miguel Trauco

Em 2019, o peruano foi eleito o melhor lateral-esquerdo da Copa América. Sem espaço no elenco com a chegada de Filipe Luis, o jogador foi negociado logo depois com o Saint-Etienne, França. O Flamengo, inclusive, recebeu R$ 3,3 milhões pelos direitos econômicos do defensor. Com a camisa rubro-negra, ele disputou 79 partidas e marcou 1 gol.

Pablo Marí

Custou R$ 5 milhões aos cofres do Flamengo. Após vencer a Copa Libertadores da América e o Campeonato Brasileiro, o espanhol foi negociado por mais de R$ 95 milhões com o Arsenal, da Inglaterra. Com isso, só com o lucro, Pablo Marí já quase paga a contratação de Gabriel Barbosa, que foi adquirido por um valor semelhante junto à Internazionale.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

LEIA MAIS: