Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

De ator a gamer: Tonico de Chocolate com Pimenta agora trabalha no mercado de games

O Tonico de Chocolate com Pimenta cresceu e encontrou nos games uma paixão e sua atual profissão; entenda

Gisele Henriques
MBA em Administração e Marketing, Pós Graduada em Jornalismo Esportivo, graduada em Licenciatura em Artes Visuais, Tecnologia em Marketing e Bacharelado em Administração, é graduanda de Direito e de Jornalismo.

Crédito: Imagem: Reprodução / Facebook

No ar devido a reprise da novela “Chocolate com Pimenta” no Canal Viva, o ator Guilherme Vieira, que interpretou o garoto Tonico, filho da protagonista Ana Francisca (Mariana Ximenes) e Danilo (Murilo Benício), atualmente trabalha como executivo de contas na Brasil Game Show, maior evento de games da América Latina, onde lida diariamente com sua grande paixão, os jogos eletrônicos. O Torcedores.com conversou com Guilherme, confira abaixo:
Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
Chocolate com Pimenta é sucesso até hoje, como foi fazer parte do elenco?
A novela realmente foi muito boa. A história era bem legal e foi muito bem escrita e dirigida. Além disso, ela está sempre sendo reprisada e fica sempre na memória de todos. Fazer parte do elenco foi sensacional. Trabalhei com grande nomes da teledramaturgia brasileira e aprendi bastante como ator e como pessoa.
Você já gostava de games desde criança, tinha consoles em casa, jogava?
Sempre fui apaixonado por Games. Minha preferência sempre foi o PC e comecei com o clássico joguinho de disquete do Aladdin. Dessa mesma época, lembro bastante de Twinsen Odyssey e Claw. Na parte dos consoles, como a infância era super corrida com a escola e gravações, tive o Game Boy e o Game Boy Color que me acompanhavam sempre nos estúdios.
O que te fez trocar a carreira de ator para ser executivo em evento de games?
Trabalhei como Ator até os 18 anos. Quando entrei na “fase adulta”, vi que não sentia mais aquela vontade de seguir nessa carreira. Trabalhar com games sempre esteve no meu radar e quando surgiu a oportunidade de trabalhar na Brasil Game Show, entrei de cabeça e estou até hoje.
As pessoas ainda te reconhecem da TV, já aconteceu durante o trabalho?
Acontece bastante. Sempre que apareço em alguma matéria do tipo “Por onde anda”, recebo inúmeras mensagens de clientes que falam comigo diariamente e não tinham a mínima idéia da minha antiga carreira (risos). 
O dia a dia na BGS é mais puxado do que eram os dias de gravações?
O dia a dia no escritório da BGS é bem tranquilo mas ao chegar na data do evento, é bem cansativo e ao mesmo tempo gratificante. Não tem como descrever a sensação de dever cumprido ao saber que 365 dias de trabalho valeram a pena e que fizemos o maior evento de Games da América Latina. Ver a alegria dos visitantes e a satisfação dos Patrocinadores e Expositores é o nosso maior prêmio (sorri). 
Os jogos evoluíram com histórias complexas. Acha que futuramente os games serão uma proposta de carreira para atores?
Com certeza. Hoje em dia, praticamente todos os jogos da última geração utilizam a tecnologia de motion capture. Desse jeito, os estúdios precisam de atores para captação de movimento corporal e facial. Temos 2 grandes exemplos em jogos recentes, como o Norman Reedus em Death Stranding e Keanu Reeves no aguardado Cyberpunk 2077. Além dos atores, a indústria dos Games também é uma ótima carreira para os dubladores.

SAIBA MAIS:
DESENHISTA BRASILEIRA TEM ARTE DIVULGADA NO TWITTER DE THE LAST OF US
PROJETO DANIEL ARSHAM X POKÉMON TRANSFORMA MONSTRINHOS EM ESCULTURAS
PERFECT WORLD MOBILE ESTÁ DISPONÍVEL EM PORTUGUÊS