Vinicius Jr. e Rodrygo esperam por nova chance, mas Real Madrid deve jogar no 4-4-2 com Hazard e Benzema no ataque; veja provável escalação

Real Madrid tem a oportunidade de assumir a liderança do Campeoanto Espanhol; Barcelona tropeçou na rodada

Paulo Silva
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Divulgação/Real Madrid

O Real Madrid joga neste domingo (21) com uma grande responsabilidade: a chance de retomar o topo da tabela de La Liga. A partida é contra a Real Sociedad, fora de casa, no Estádio Anoeta, às 17h (de Brasília). O Barcelona tropeçou contra o Sevilla e pode ser igualado no número de pontos, com a vantagem para os merengues que vencem no critério do confronto direto.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Após grande vitória contra o Valencia, por 3 a 0, Zinedine Zidane deve repetir a formação usada. Sem grandes problemas em relação a desfalques, a tendência é que o time jogue em um 4-4-2, com quatro meio-campistas sendo a base da equipe. Eden Hazard e Karim Benzema fizeram bom jogo e é provável que sigam fazendo dupla no ataque.

Vinicius Jr. e Rodrygo seguem como opção e dificilmente irão começar jogando caso Zidane repita a mesma formação tática. O ex-Santos pode começar atuando se o treinador optar pelo 4-3-3, e o atacante revelado peo Flamengo provavelmente não iniciará jogando em nenhuma das hipóteses, pois rende bem pela ponta esquerda, local onde Hazard ocupa.

Como desfalques, Zidane tem Isco, Nacho, Lucas Vázquez e Luka Jovic como inativos; confira a provável escalação do Real Madrid:

4-4-2: Courtois; Carvajal, Varane, Sergio Ramos e Marcelo; Casemiro, Valverde, Kroos e Modric; Hazard e Benzema.

Os convocados por Zidane

O Real Madrid soma 62 pontos, contra 65 pontos do Barcelona, que já jogou na rodada. Caso vença, os merengues voltam para a liderança e passam a depender apenas de si pelo título de La Liga.

Provável escalação da Real Sociedad

Remiro; Gorosabel, Elustondo, Le Normand, Monreal; Zubeldia, Merino e Ødegaard;  Portu, Oyazarbal e Isak.

LEIA MAIS:

Zidane responde Piqué sobre polêmica com arbitragens do Espanhol