Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

5 jogadores receberam Bola de Ouro de Chuteira de Ouro na mesma Copa do Mundo; veja todos

Poucos atletas tiveram a honraria das duas premiações

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Divulgação/CBF

Nem sempre o artilheiro de uma Copa do Mundo também é eleito o melhor jogador da competição. Pelo contrário, o principal atleta do torneio normalmente não é, para a FIFA, aquele que marcou mais gols.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

Veja abaixo quem foram os únicos 5 jogadores a receberam Bola de Ouro e Chuteira de Ouro da Copa do Mundo:

Leônidas – Brasil – 1938 – artilheiro com 7 gols

Garrincha – Brasil – 1962 – artilheiro com 4 gols (dividido com outros cinco jogadores)

Mario Kempes – Argentina – 1978 – artilheiro com 6 gols

Paolo Rossi – Itália – 1982 – artilheiro com 6 gols

Salvatore Schillaci – Itália – 1990 – artilheiro com 6 gols

Os outros artilheiros da Copa do Mundo de 1962, em que Garrincha brilhou, foram Vavá, também do Brasil, Leonel Sánchez, do Chile, Florián Albert, da Hungria, Drazan Jerkovic, da Iugoslávia e Valentin Ivanov, da União Soviética. No período a FIFA não promoveu o desempate.

Em 2020, por exemplo, também houve empate entre os artilheiros. Diego Forlán, o Bola de Ouro, marcou cinco gols ao lado de Thomas Muller, da Alemanha, David Villa, da Espanha, e Wesley Sneijder, da Holanda. O alemão foi eleito o Chuteira de Ouro por ter marcado seus gols com menos minutos em campo.

Dos cinco jogadores com Bola de Ouro e Chuteira de Ouro em edições de Copa do Mundo, dois não foram campeões. Leônidas da Silva, pelo Brasil, na Copa de 1938, na França, e Salvatore Schillaci, da Itália, na Copa de 1990, em solo italiano.

Leia mais:
Caio Ribeiro explica porque deixou a Inter de Milão e revela briga com treinador: “queria matar ele”

Comentarista da Fox diz que Palmeiras precisa substituir Dudu para não ser coadjuvante: “não pode guarda dinheiro debaixo do colchão”

Há 38 anos Itália conquistava tri da Copa do Mundo e se igualava ao Brasil