Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Cruzeiro: Processo de Joel mostra gastos com salário durante empréstimo

Raposa pagou mais de R$ 3 milhões em salários ao jogador durante empréstimo ao Marítimo (POR)

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Site Oficial do Maritimo

O Cruzeiro é alvo de processo do atacante camaronês Joel, que cobra do clube valores que não lhe teriam sido pagos. O Globoesporte.com divulgou detalhes do processo movido pelo jogador, com direito a gastos com empréstimo do jogador ao futebol português.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

Segundo a ação, a Raposa teria gasto pouco mais de R# 3 milhões em salários durante o período em que ficou emprestado ao Marítimo. O primeiro empréstimo durou de janeiro de 2018 a junho de 2019, com todos os salários pagos pelo clube mineiro e sem qualquer custo para a equipe da Ilha da Madeira.

Nos primeiros seis meses do empréstimo, os salários do camaronês com a Raposa eram de cerca de R$ 140 mil, o que equivaleriam neste período a R$ 770 mil por mês. A partir de junho, os salários subiram para R$ 180 mil, o que representou até o final do empréstimo R$ 2,25 milhões que o Cruzeiro pagou ao atleta durante o período em que este esteve em Portugal.

Durante todo o período de empréstimo, o Marítimo não arcou com custos da negociação ou até mesmo com os salários de Joel. O valor total dos mais de R$ 3 milhões junta os vencimentos com 13º e férias enquanto esteve a serviço do clube português.

Esta havia sido a primeira passagem de Joel pelo Marítimo, a segunda iniciou em dezembro, com novo empréstimo feito pela Raposa e que se encerrou em junho, quando também o contrato com o time mineiro foi expirado.

LEIA MAIS

Cruzeiro acusa ex-dirigente de usar empresa para prejudicar o clube

(Crédito da foto: Divulgação/Site Oficial do Maritimo)