Dia do Hospital: 5 jogadores que são famosos por viverem lesionados

Jorge Valdivia, ex-meia-atacante do Palmeiras, ficou conhecido no Brasil como um dos jogadores que mais precisaram ficar no departamento médico por lesão

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.

Crédito: Cesar Greco / Ag. Palmeiras

Nesta quinta-feira (2), o Brasil comemora e parabeniza o Dia do Hospital. Durante época de quarentena, os médicos e enfermeiros ganhar cada vez mais valor. No mundo do futebol, os torcedores reconhecem a importância do departamento médico por recuperar seus principais jogadores.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Porém, em alguns casos, as estrelas do futebol acabam sendo conhecidas por viverem mais no DM, o departamento médico, do que em campo. Pensando nisso, o Torcedores separou alguns jogadores que são famosos por estarem mais tempo lesionados do que em campo.

Paulo Henrique Ganso: Hoje meia do Fluminense, o jogador é um dos que simbolizam o Dia do Hospital. Ex-São Paulo e Santos, Ganso foi uma das promessas recentes do futebol brasileiro que mais sofreu com lesões durante a carreira.

Jorge Valdivia: Considerado um dos maiores ídolos recentes do Palmeiras, o meia chileno teve uma segunda passagem conturbada pelo clube alviverde. Entre 2014 e 2015, o camisa 10 viveu mais tempo lesionado do em campo no Allianz Parque.

Alexandre Pato: Promessa do Internacional no Mundial de 2006, o atacante chegou a ser destaque no Milan rapidamente, mas sofreu com lesões durante a carreira. Na Itália, acabou “comemorando” o Dia do Hospital no local diversas vezes e acabou retornando ao Brasil.

Neymar Junior: Caso recente no Paris Saint-Germain, o atacante brasileiro foi muito criticado por ter diversos problemas de lesão. Além de perder a semifinal da Copa do Mundo para a Alemanha por lesão, o jogador ficou de fora de duas das últimas três edições das oitavas de final da Champions League.

Marcos Reus: Outro caso no futebol europeu mais conhecido é o do alemão Marcos Reus. Vice-campeão da Liga dos Campeões em 2012/13 pelo Borussia Dortmund, o jovem meia-atacante perdeu a Copa do Mundo de 2014 por lesão e não conseguiu conquistar a taça com a Alemanha.

LEIA MAIS:

Gringos de luxo! 10 jogadores estrangeiros mais valiosos do Brasileirão 2020

7 jogadores que usaram a camisa 10 de Pelé no Santos e você não sabia

7 promessas brasileiras que estão “escondidas” em mercados alternativos