Home Futebol Felipe Melo e mais 10: saiba quem já atuou por Flamengo e Volta Redonda

Felipe Melo e mais 10: saiba quem já atuou por Flamengo e Volta Redonda

Flamengo e Volta Redonda duelam neste domingo por uma vaga na final da Taça Rio

Wilson Pimentel
Jornalista esportivo desde 1998. Cobriu os principais eventos esportivos da última década. Passou pelas redações do SBT, Record TV, CNT, Esporte Interativo, Rádio Tupi, Rádio Brasil e Rádio Manchete. É correspondente de veículos de comunicação da Colômbia, Croácia, Paraguai e Portugal. Está no Torcedores.com desde 2019.

Flamengo e Volta Redonda se enfrentam, neste domingo, no Estádio do Maracanã, para decidir que vai se classificar para à final da Taça Rio. O vencedor do confronto, inclusive, vai pegar Botafogo ou Fluminense, que fazem a outra semifinal, na decisão do segundo turno do Campeonato Carioca.

PUBLICIDADE

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

Siga o Torcedores também no Instagram

Os dois clubes colocam em campo uma rivalidade marcada por um abismo técnico e financeiro. O Flamengo, antes de mais nada, venceu praticamente tudo entre 2019 e 2020. O time rubro-negro, nesse ínterim, conquistou a Recopa Sul-Americana, a Copa Libertadores da América, a Supercopa do Brasil e o Campeonato Brasileiro.

Além disso, o Flamengo se tornou no novo milionário do futebol sul-americano. Com Jorge Jesus no comando, o clube planeja vencer tudo este ano. Afinal, a diretoria ganhou um “caminhão de dinheiro” para investir nas contratações dos astros Gustavo Henrique, Léo Pereira, Thiago Maia, Michael, Pedro Rocha e Pedro.

PUBLICIDADE

Por outro lado, o Volta Redonda chega para enfrentar o Flamengo após vencer por 2 a 1 o clássico do Sul-Fluminense contra o Resende. Com o resultado, o time da Cidade do Aço eliminou o Vasco do Campeonato Carioca. Com isso, o Voltaço tenta surpreender o milionário time rubro-negro para alcançar a classificação para a final da Taça Rio.

Entre as similaridades do confronto, estão alguns jogadores que já vestiram a camisa de Flamengo e Volta Redonda. E acredite! São tantas opções, que o Torcedores.com montou um time só com esses atletas. A escalação conta com craques que atuaram no exterior e também vestiram a camisa da Seleção Brasileira. Confira!

Adriano

O goleiro atuou pelo Flamengo de 1990 a 1995. Ele, nesse ínterim, disputou 27 partidas oficiais pelo clube. Além disso, integrou o elenco rubro-negro nas conquistas do Campeonato Brasileiro (1992), Campeonato Carioca (1991) e Copa São Paulo de Futebol Júnior (1990). Já pelo Volta Redonda, Adriano entrou em campo somente em cinco oportunidade. O arqueiro entrou para a história do clube ao vencer a Taça Guanabara de 1995.

Schneider

O lateral-direito foi revelado nas divisões de base do Flamengo. Ele foi promovido aos profissionais do clube pelo técnico Nelsinho Baptista. Schneider disputou apenas uma partida oficial com a camisa rubro-negra. O jogador, porém, recebeu poucas oportunidades e logo deixou. Já pelo Volta Redonda, o defensor foi titular na campanha que deu ao time da Cidade do Aço o título da Taça Guanabara de 2005.

PUBLICIDADE

Júnior Baiano

O zagueiro atuou pelo Flamengo em três oportunidades: 1988 a 1993, 1996 a 1998 e 2004 e 2005. Ao todo disputou 288 partidas e marcou 28 gols. Além disso, ele venceu o Campeonato Brasileiro (1992), a Copa do Brasil (1990), o Campeonato Carioca (1991, 1996 e 2004) e a Copa São Paulo de Futebol Júnior (1990). Pelo Volta Redonda, Júnior Baiano disputou 27 jogos e marcou seis gols. Em 2009, o Xerifão formou dupla de zaga com Dedé, atualmente no Cruzeiro. Vale lembrar que “JB3” foi titular do Brasil na Copa do Mundo da França, em 1998.

Márcio Costa

O zagueiro, que também atuava como cabeça de área, defendeu o Flamengo de 1995 a 1997. Ele, nesse ínterim, disputou 104 partidas e marcou um gol. Além disso, o defensor conquistou o Campeonato Carioca (1996). O ex-jogador de Corinthians e Fluminense, atuou pelo Volta Redonda em 2010. Ele, porém, disputou apenas duas partidas oficiais. Posteriormente foi dispensado pelo clube da Cidade do Aço.

Victor Boleta

Victor Lucky Villarmosa Lewis, o Boleta, atuou pelo Volta Redonda de 2002 a 2003. Ele, nesse ínterim, disputou 27 partidas e marcou três gols. Posteriormente, o lateral-esquerdo acumulou passagens por Vasco, Fluminense, Brasiliense e Clube do Remo. Após pendurar as chuteiras em 2010, Victor Boleta reforçou o time de Fut7 do Flamengo no Campeonato Carioca da modalidade.

Felipe Melo

É o filho mais ilustre da cidade de Volta Redonda. O Pitbull foi revelado nas divisões de base do clube do Sul-Fluminense. O volante do Palmeiras, porém, nunca atuou profissionalmente com a camisa amarela e preta. Felipe Melo atuou pelo Flamengo de 2001 a 2003. Ele, nesse ínterim, disputou 71 partidas e marcou 11 gols. Posteriormente, o jogador defendeu clubes da Espanha, Itália e Turquia. Já no Brasil, ele passou por Cruzeiro e Grêmio. Além disso, foi titular da Seleção Brasileira na Copa do Mundo da África do Sul, em 2010.

PUBLICIDADE

Márcio Guerreiro

Foi destaque do Volta Redonda no Campeonato Carioca de 2004. As boas atuações fizeram o jogador entrar no radar do Flamengo. No ano seguinte, ele foi contratado para reforçar o time rubro-negro. Marcio Guerreiro foi indicado pelo técnico Júlio César Leal para ser o camisa 10. O jogador, porém, não correspondeu às expectativas. Após disputar apenas três partidas oficiais, o atleta foi dispensado pela diretoria rubro-negra.

Alexandre Gaúcho

Multicampeão pelo Grêmio, Alexandre Gaúcho foi contratado pelo Flamengo a pedido do técnico Mário Jorge Logo Zagallo. Em 2001, integrou o elenco na conquista do Campeonato Carioca e da Copa dos Campeões. Ele, nesse ínterim, disputou somente sete partidas com a camisa rubro-negra. O meia-esquerda acumulou uma série de problemas musculares. Por isso, foi dispensado no final da temporada. Em 2006, Alexandre Gaúcho foi anunciado como reforço do Volta Redonda. O camisa 10 fez seis jogos pelo time da Cidade do Aço.

Lopes Tigrão

Wellington Nogueira Lopes de Avellar, o Tigrão, foi revelado pelo Volta Redonda. Após se destacar pelo clube no Campeonato Carioca de 2000, ele foi contratado pelo Palmeiras onde atuou por três temporadas. Após acumular uma série de problemas disciplinares no clube paulista, Lopes se transferiu para o Flamengo. Em 2003, o meia-ofensivo foi contratado com status de camisa 10. O jogador, porém, disputou cinco partidas e fez um gol no Estadual. Posteriormente foi dispensado pelo clube da Gávea.

Nunes

O Artilheiro das Decisões é considerado um dos maiores ídolos da história do Flamengo. O lendário camisa 9 teve três passagens pela Gávea: 1980 a 1982, 1984 e 1987. Ao todo, foram 177 partidas e 86 gols. Além disso, o centroavante venceu um Mundial de Clubes, uma Copa Libertadores da América, três Brasileiros e um Carioca. Nunes, porém, teve passagem apagada pelo Volta Redonda. Em 1988, disputou oito partidas e fez apenas um gol.

PUBLICIDADE

Cláudio Adão

O lendário centroavante se tornou em um verdadeiro andarilho do futebol. Ao todo foram 21 clubes ao longo da carreira. Ele, inclusive, teve duas passagens pelo Flamengo: 1977 a 1980 e 1983. Cláudio Adão, nesse ínterim, disputou 154 partidas e marcou 82 gols. Além disso, venceu um Campeonato Brasileiro e três Cariocas. Em 1995, foi contratado para reforçar o Volta Redonda no Campeonato Carioca. Foram quatro gols em 19 jogos com a camisa amarelo e preta.

LEIA MAIS:

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial