Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Em podcast, Lugano exalta Grafite: “Faço muita comparação dele com o Luis Suárez”

Em entrevista ao podcast GE São Paulo, Diego Lugano, atual dirigente do Tricolor, destacou força física e relembrou contusão do ex-atacante

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Reprodução

O time de 2005 do São Paulo é lembrado com muito carinho pelo torcedor são-paulino. Não só por ele, na verdade. Os jogadores daquela equipe também lembram com saudade do elenco. Exemplo disso foi a edição 55 do podcast do GE São Paulo, feito por jornalistas do portal Globoesporte.com. No programa, Diego Lugano e Grafite estiveram presentes. E o ex-zagueiro rasgou elogios ao ex-atacante.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

Para Lugano, o centroavante fazia relembrar outro grande avante da atualidade. “Faço muita comparação do Grafite com o Suárez no aspecto físico, de chatice e insuportável para a defesa. Joguei muito com o Luis Suárez. Ele jogava a bola para a frente e ele bota o corpo, ele põe o cotovelo, gera falta, escanteio e desgasta os caras. Impressionante. Me lembro muito até porque nos treinos gostava de competir com ele, porque fisicamente me fazia evoluir”, destacou o atual dirigente do São Paulo

A contusão de Grafite também foi lembrada por Lugano. “Depois, quando ele machucou, sinceramente, lembro até de conversar com alguns companheiros que a nossa possibilidade na Libertadores havia diminuído muito. Porque não ia encontrar no mercado um jogador com aquela força, velocidade e presença de área do Grafite. Era impossível. Por isso aquela contratação do Amoroso pelo São Paulo foi magistral. Na hora certa. Acho que só o Amoroso poderia, com outra característica naquele momento, substituir Grafite, que era o nosso principal jogador”, finalizou.

LEIA MAIS
Rogério Ceni surpreende: “Fiz o mesmo trabalho no Fortaleza e no São Paulo”
Bruno Alves celebra boa fase no São Paulo: “Melhor ano da carreira”
No Twitter, São Paulo comemora 25 anos do bicampeonato Mundial de Clubes