Atletas do Cleveland Indians se revoltam com Mike Clevinger e Zach Plesac, que furaram isolamento: “Mentiram e machucaram muito”

Zach Plesac e Mike Clevinger, pitchers do Cleveland Indians, foram retirados de jogos da equipe por conta da saída dos locais que exigem protocolo

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Reprodução

Uma polêmica tomou conta do Cleveland Indians, franquia da Major League Baseball (MLB), nos últimos dias. Zach Plesac e Mike Clevinger, pitchers da equipe, quebraram as regras de isolamento social impostas pela liga. A atitude foi duramente criticada pelos próprios companheiros da equipe de Ohio.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

Outro pitcher do Cleveland Indians, Adam Plutko, usou palavras duras contra a dupla. “Eles nos machucaram muito. Eles mentiram para nós. Eles se sentaram aqui na frente de vocês e disseram publicamente coisas que não seguiram. Depende deles. Vou deixá-los sentar aqui e dizer como eles vão ganhar sua confiança de volta. Não preciso colocar palavras em suas bocas. O termo que continuo a ouvir – e desculpem minha linguagem – é ‘homem adulto’. Então, aqueles homens adultos podem sentar aqui e dizer a vocês o que aconteceu e dizer a vocês o que eles vão fazer para consertar isso. Eu não preciso fazer isso por eles”, destacou um dos mais “beneficiados” pela situação no Cleveland Indians.

Companheiro no grupo de risco

Para fazer as críticas, Francisco Lindor, shortstop do Cleveland Indians, relembrou o caso de Carlos Carrasco. Outro dos pitchers da equipe teve leucemia e sofre alto risco caso contraia o COVID-19. “Temos que sentar e nos olhar no espelho. E não é sobre a pessoa que vemos no espelho. É quem está atrás de você. As outras pessoas. É sobre todos ao seu redor. Os familiares, a comissão técnica, Carlos Carrasco, todos os jogadores de alto risco dos times. Estamos em um momento agora com coronavírus, com racismo, com tudo. Este é um tempo para ser altruísta. É quando temos que sentar e entender que não se trata de uma pessoa especificamente. É sobre todo mundo. É sobre o seu vizinho e os vizinhos do seu vizinho. Não é só você especificamente”, finalizou o atleta do Cleveland Indians.

Terry Francona, head coach do Cleveland Indians, também criticou a atitude dos comandados. Tanto Plesac quanto Clevinger emitiram pedidos de desculpas.

LEIA MAIS
Chamado de “bonitão” por companheiro, experiente quarterback da NFL afirma: “Ainda tenho gasolina no tanque e posso fazer muito mais”
Torcedor que usou laser para atrapalhar Tom Brady na NFL é condenado a pagar multa e jamais entrará em estádio novamente
Nike cancela lançamento de tênis que tinha bandeira dos EUA ligada à segregação racial após protesto de ex-jogador da NFL