Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Ex-volante revela história de quando Lugano quis bater em atacante do São Paulo, após derrota: “Ele se transformava”

Ex-volante do São Paulo, Renan, revelou confusão entre Lugano no canal Vamo Pro Jogo

Carlos Lemes Jr
Colaborador do Torcedores.com.Jornalista formado, desde 2012, e no Torcedores, desde 2015. Matérias exclusivas pelo site publicadas nos portais IG, MSN e UOL.

Crédito: Rubens Chiri/São Paulo

Lugano sempre foi um jogador viril e com um grande espirito de liderança, dentro do São Paulo. O ex-zagueiro uruguaio, nunca aceitou muito bem as derrotas, quase chegando a brigar com seus próprios companheiros no Tricolor.

Conheça a Bet4Plus e experimente fazer uma aposta esportiva grátis, sem necessidade de depósito

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

“Ninguém gosta de perder, mas para o Lugano era como se tivesse morrido alguém. Ele se transformava”, começa contando o ex-volante do São Paulo e companheiro de Lugano, Renan ao canal Vamo Pro Jogo no Youtube.

“A gente perdeu uma vaga para o Santos no Morumbi. Acho que foi 2 a 2 esse jogo e a primeira partida perdemos por 1 a 0. E depois do jogo, um companheiro nosso estava tirando foto com jogadores do Santos e o Lugano viu.”, conta o ex-volante.

O jogo em questão foi pela Copa Sul-Americana nos anos 2000, e segundo a jornalista Caroline Teberga, durante a entrevista, o atacante citado é Diego Tardelli, hoje no Atlético-MG.

“No outro dia, o Lugano, que era o capitão, convocou uma reunião com todo elenco e começou a cobrar: pô, a gente perde o jogo e tem cara nosso tirando foto e dando risadinha com jogador do Santos. São tudo uns fdp”, contou Renan.

Ainda segundo ele, o episódio, quase teve agressões.

“Aí um atacante do nosso time fala baixinho: fdp é você e o Lugano escutou. Sorte que tinha o Grafite (ex-atacante) e o Fabão (ex-zagueiro) para segurar”, concluiu.

LEIA MAIS

Volante ex-São Paulo conta que pai era fanático por Muricy Ramalho: “Era para eu me chamar Muricy”

Arnaldo Ribeiro detona administração de Leco no São Paulo: “Não existe possibilidade de um mandato pior que o dele”