Tem negócio? O que pensa o presidente do Inter sobre a possível reviravolta de Yuri Alberto no Santos

Presidente Marcelo Medeiros disse não ter sido notificado sobre possível “cobertura” de proposta de Yuri Alberto pelo Santos

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Divulgação/Santos

No último dia do contrato de Yuri Alberto, nesta sexta, o Santos comunicou ter apresentado uma proposta de contrato igualando os valores do Inter. Agora, terá cerca de duas semanas para efetuar o pagamento de R$ 10 milhões entre direitos de imagem e luvas, e, assim, manter o jovem de 19 anos.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

O Inter, por sua vez, tinha tudo acertado com o centroavante e apenas o aguardava o término do seu vínculo com o Peixe para fazer o anúncio. Na última semana, Yuri Alberto esteve em Porto Alegre procurando apartamento para ele e família.

“Não tenho ainda nenhum documento oficial do Santos neste sentido. Este é um ano difícil. O Inter não vai fazer nenhum movimento aventureiro. Fizemos um movimento no Matheus Jussa e não gastamos mais dinheiro nisto. Fizemos uma proposta pelo Yuri Alberto, mas ainda não houve nenhum investimento, vamos ter cautela. Este é um ano que vamos usar muito a nossa base. Depois da conquista da Copa SP, muitos atletas já fazem parte do grupo principal. As competições serão muito intensas, mas terá que ser um ano de responsabilidade pelos impactos financeiros que a pandemia trouxe”, revelou o presidente do Inter, Marcelo Medeiros, à Rádio Gaúcha.

O Inter havia se acertado com o jogador em cima desta proposta:

• Salário: R$ 200 mil/mês (após 20 jogos como titular – R$ 230 mil/mês);

• Luvas: R$ 5,2 milhões;

• Direito de imagem: R$ 4,8 milhões;

• Contrato: 01/08/2020 a 31/07/2025.

Leia o comunicado do Santos sobre Yuri Alberto

“O Santos Futebol Clube, entidade de prática desportiva formadora do Atleta e detentora de seu primeiro Contrato Especial de Trabalho Desportivo, vem, por meio desta, nos termos do artigo 29, §§ 7.º e 9º, da Lei nº 9.615/98:

1. Comunicar o exercício do direito de preferência que lhe é outorgado por lei, equiparando, neste ato, a proposta ofertada pelo Sport Club Internacional ao Atleta, nas mesmas condições oferecidas, consoante proposta publicada pela FPF.

2. Desse modo, o Santos Futebol Clube aguarda o aceite do Atleta e desde já consigna que providenciará o envio dos documentos necessários a fim de formalizar a renovação de seu primeiro Contrato Especial de Trabalho Desportivo”.

Santos tem problemas financeiros

Correndo contra o tempo para pagar o prometido a Yuri, e assim não perdê-lo ao Inter, o Santos vive pesada crise financeira. O goleiro Everson e o atacante Eduardo Sasha foram à Justiça pedindo a rescisão por salários – o último conseguiu quebrar o vínculo nesta sexta. O Inter, aliás, estuda processar o Santos pelo atraso nas parcelas do pagamento da compra de Sasha – entenda aqui.

LEIA MAIS:

Citado em súmula, D’Alessandro pode ser suspenso e recebe críticas de ex-dirigente do Grêmio: “Destemperado”

O que diz o presidente da FGF após a irritação de D’Alessandro no Gre-Nal

Cavalo cansado? Maicon manda indireta a Baldasso, e Jean Pyerre também critica o jornalista

Dirigente minimiza tabu e lembra que Inter segue com mais vitórias em Gre-Nais: “Empates estão em 2°”

Siga o autor:

No YouTube

No Instagram