Bethe Correia confirma aposentadoria e luta de despedida em dezembro

Lutadora do UFC fará último combate contra chinesa; ‘Pitbull’ postou mensagem confirmando luta final

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Reproduçao/Instagram

O UFC terá mais uma aposentadoria em breve. A brasileira Bethe Correia confirmou em suas redes sociais que irá encerrar sua carreira no MMA em dezembro, em combate contra a chinesa Wu Yanan.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

O Combate e a Ag. Fight anunciaram a luta, que foi confirmada nas redes sociais pela paraibana. O duelo contra Yanan será o último da carreira da brasileira, que chegou nos últimos dias a sinalizar com uma despedida em postagem nas redes sociais.

No post em que anuncia a luta, Bethe confirma que está prestes a encerrar sua carreira e relembrou os passos e as polêmicas que enfrentou, como a rivalidade com Ronda Rousey, que lhe rendeu enfrentar a americana no UFC 190, em 2015, quando foi derrotada;

“Só um lutador sabe a hora de parar e ir para outros rumos. Sim, esta é minha última luta e esta não poderia ser em outro evento, somente e unicamente no UFC. Muitas inverdades foram ditas, mas nunca me abalei, porque sou muito bem resolvida e sei da minha história. Tenho personalidade forte e ousada que marcou minha carreira e fortaleceu o MMA feminino em rivalidades. Fica meu legado como uma lutadora com ousadia, postura, apresentação e forma única de comemoração”, disse Bethe.

Ver essa foto no Instagram

Só um lutador sabe a hora de parar e seguir outros rumos… só um lutador e aliados sabem as verdades e as mentiras da mídia. Sim! Está será minha última luta e não poderia ser em outro evento, somente e unicamente no @ufc. Muitas inverdades foram ditas, mas não me abalei!! pois sou bem resolvida e sei da minha história, tenho personalidade forte e ousada que marcou minha carreira e fortaleceu o Mma feminino com rivalidades. Fica meu legado de uma lutadora com ousadia, postura, apresentação e comemoração de forma única no mundo da luta. Personalidade que desperta a curiosidade em muitos. Não é atoa que surgiu o #betheeffect amada e odiada, e no final todos queriam assistir minhas lutas. Consegui recorde de ppv que na época, por anos nenhum atingia, lutei com melhores e sempre gerava notícias. Sei que deixei minha marca e agora é hora da nova geração vim… e sei que deixei lições boas e ruins. Minha última luta será na melhor do mundo, onde sonhei e busquei lutar. Em dezembro estarei no octógono do UFC. E vou curtir cada momento e sei que sentirei falta! Sou grata ao ufc pelo reconhecimento da minha carreira e história, nunca me negaram um pedido. #parasempreufc #parasempremmafeminino #teamcorreia #mma #ufc Gratidão a @wallidjfc @edelsonboxe @suzanacorreianeves por sempre lutar por mim

Uma publicação compartilhada por Bethe (@bethecorreia) em

“Consegui fazer com que todos assistissem às minhas lutas. Consegui recorde de pay-per-view que, durante anos, ninguém conseguia. Lutei com as melhores e sempre gerei notícia. Sei que deixei a minha marca e agora é a hora da nova geração. Minha última luta será na melhor do mundo, onde sonhei e busquei lutar. Em dezembro, estarei no octógono do UFC e vou curtir cada momento, porque sentirei falta”, completou a ‘Pitbull’.

A última luta de Bethe Correia foi em julho, quando foi derrotada pela sueca Pannie Kianzad.

LEIA MAIS

Belfort diz que Adesanya x Borrachinha é a nova versão de sua luta com ‘Spider’

‘Paraense Voador’ justifica tapa em rival e pede por luta com Masvidal no UFC