Bonamigo vê Remo dominado em derrota e avalia: “faltou inteligência”

Treinador do Remo perdeu o primeiro jogo desde que voltou ao clube paraense

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 27 anos.Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017).

Crédito: Samara Miranda/ascom Remo

O treinador do Remo, Paulo Bonamigo, avaliou que o time azulino foi dominado, sobretudo no primeiro tempo, pelo Ferroviário, na derrota por 1 a 0, na noite deste sábado (17), no estádio Arena Castelão. De acordo com o profissional remista, o Mais Querido tentou reagir, mas sucumbiu à forte marcação adversária.

O Remo até criou para abrir o placar. Entretanto, o meio-campista Eduardo Ramos chutou pra fora, aos 27 minutos. A equipe paraense melhorou no segundo tempo, mas faltou concentração, conforme Bonamigo.

“(Foi) uma partida equilibrada, sabíamos que ia ser decidido no detalhe. E no momento que nós estávamos melhor no jogo, nós sofremos o gol. Vamos continuar trabalhando, pensar no próximo jogo”, iniciou.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

“No segundo tempo (a gente) já conseguiu fazer um pouquinho mais, ser mais contundente. Foi o jogo que, talvez, nos mais finalizamos”, observou.

Na opinião de Bonamigo, o destaque do jogo foi Genivaldo, goleiro do Ferroviário. O treinador azulino também avaliou que o Remo era melhor, quando sofreu o gol da derrota. Wesley fez a diferença, aos quatro minutos da etapa final. O gol foi marcado após cobrança de escanteio.

“Não faltou disposição, vontade dos atletas. Faltou um pouquinho de inteligência de jogo e se concentrar um pouquinho na bola parada que a gente sabia que seria um fator que poderia fazer a diferença. Hoje nós tivemos um gol que não podíamos deixar passar aquela primeira bola. Nossa equipe tem porte”, disse.

Covid-19 ataca e Remo vai a campo desfalcado

Pouco antes da bola rolar, a assessoria de comunicação do Mais Querido oficializou que quatro jogadores foram infectados pelo novo coronavírus.

São eles, o atacante Gustavo Ermel, os meios-campistas Júlio Rusch e Lucas Siqueira, além do zagueiro Gilberto Alemão. De acordo com informações oficiais, o quarteto está assintomático e afastado do clube.

“Isso não é motivo. A gente sabia que ia pegar um campo bom pra se jogar. Nós tínhamos que ter regularidade. Foi uma derrota que nós temos que tirar, aprender, (é) pedagógica sem dúvida. E vamos pensar nos próximos jogos agora pra buscar a reabilitação”, concluiu Paulo Bonamigo.

Pontuação e próximo jogo

Com o resultado, o Remo perdeu a chance de voltar, mesmo que de forma temporária, à liderança do grupo A. O time azulino segue em terceiro lugar e tem 19 pontos.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

O Imperatriz-MA é o próximo adversário. O jogo está marcado para sábado (24), às 18h, no estádio Mangueirão. O adversário maranhense é o ‘saco de pancadas’ do Brasileirão Série C. Em dez jogos, perdeu nove e empatou um.

Leia também:

Após derrota, torcedores do Remo invadem perfil do clube e detonam meio-campista