Botafogo se irrita com postura do Inter em “segurar” Cesinha: “Por que atrapalhar a vida dos outros?”

Destaque na última Copa SP, meia Cesinha não tem sido usado pelo técnico colorado Eduardo Coudet

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Divulgação/Inter

Sem oportunidades no elenco profissional do Inter e e fora também da equipe sub-20, onde não quis mais atuar nos últimos meses, o meia Cesinha vem sendo alvo do interesse Botafogo para a sequência de 2020, mas o contrato válido até dezembro no Beira-Rio deixa o clube carioca sem ação e até irritado neste momento.

No entendimento de Manoel Renha, membro do Comitê Gestor de Futebol do Glorioso, o Inter está “atrapalhando a vida” do jogador ao não liberá-lo:

“Em 2017, tínhamos gostado dele, mas estava comprometido com o Inter. Como não está sendo aproveitado, o empresário perguntou se a gente tinha interesse. A gente tem um relacionamento há anos com o TAC (Três Passos), com quatro ou cinco jogadores da base que vieram de lá. Temos interesse, mas o jogador precisa estar livre”, afirmou o dirigente, em conversa com a ESPN.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

“Não faz menor sentido não liberar o jogador. Só prejudica o garoto. Essa novela não anda. Quando terminar o contrato, a janela de inscrição no Brasileiro já vai ter fechado. O empresário achava que ia liberar, mas o Inter firmou o pé. A gente não tem essa postura. Se não usamos, liberamos. Por que atrapalhar a vida dos outros? Mas cada um tem sua razão, não vou ficar julgando”, acrescentou Renha.

Botafogo tem parceria com o TAC, clube de Cesinha

A parceria com o TAC, time que mantém os direitos econômicos de Cesinha, já lucrou aproximadamente 4 milhões de euros (R$ 26 milhões de reais aproximadamente, na cotação atual) ao Botafogo com a recente ida de Luís Henrique para o Olympique de Marseille. Nos mesmos moldes, o zagueiro Wesley é outra cria do clube gaúcho que está no Fogão.

Campeão da Copa SP em 2020 como o capitão do time, Cesinha até chegou a treinar entre os profissionais do Inter, mas não teve chances em campo com o técnico Eduardo Coudet.

LEIA MAIS:

Criticado por Renato, Gaciba diz que “pessoas passaram da dose” e pede mais respeito à arbitragem

Aplaudido, Marcelo Oliveira encerra carreira e seguirá trabalhando no Grêmio: “Foi um sonho vestir essa camisa”

Nego Di tira onda com Cortez utilizando vídeo em igreja e revolta esposa do atleta: “Vergonha, você debochou de Deus”

Siga o autor:

No YouTube

No Instagram