Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Russell Westbrook deixa US$ 8 mil de gorjeta para funcionários da bolha da NBA: “Cuidaram muito de nós”

Armador do Houston Rockets, Russell Westbrook afirmou que trabalhadores do ESPN Wide World of Sports Complex “cuidaram bem” dos jogadores; montante soma cerca de R$ 45 mil do gorjeta

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Reprodução

Para muitos, o Houston Rockets foi uma decepção na temporada 2019/2020 da National Basketball Association (NBA). A equipe do Texas foi eliminada nas semifinais de conferência da liga, perdendo quatro dos cinco jogos disputados na semifinal do Oeste para o Los Angeles Lakers. Russell Westbrook, porém, guardou boas lembranças da bolha da instituição, criada no ESPN Wide World of Sports Complex.

De acordo com jornalistas que cobriram a NBA, Russell Westbrook deixou uma gorda gorjeta para os trabalhadores da bolha. O Dallas Morning News, da região onde está sediado o Rockets, deu o valor exato. Afirmou o repórter Brad Townsend que o armador deixou US$ 8 mil (cerca de R$ 45 mil, na cotação desta quarta-feira (07)) para os profissionais de limpeza do hotel Grand Floridian, que integrou a bolha.

O agradecimento verbal foi dado ao Bleacher Report, famoso portal colaborativo dos Estados Unidos. Russell Westbrook falou a Taylor Rooks, repórter do site, o motivo pelo qual deixou o montante. “Eles cuidaram muito de nós. Eles gastaram tempo e energia para fazer seu trabalho em alto nível. Essa foi a coisa certa. Gosto de fazer a coisa certa”, destacou Russel Westbrook.

Histórico

Na faculdade, Russell Westbrook jogou em UCLA Bruins. Foi escolhido no Draft NBA 2008, pelo Oklahoma City Thunder, onde ficou até 2019. Na temporada citada, trocou de franquia: deixou OKC e foi para o Houston Rockets, onde atuou na temporada que está para ser finalizada.

LEIA MAIS
Equipe da NBA vê novo filme da saga Star Wars em shopping que era alvo de tiroteio
Terra plana: conheça as estrelas da NBA que acreditam na teoria
Craque do Golden State Warriors faz cirurgia e volta à NBA apenas em 2020, afirma empresário do jogador