Bósnia x Itália: Saiba como assistir ao jogo da Nations League AO VIVO

Bósnia x Itália se enfrentam nesta quarta-feira (18) às 16h45 pela rodada final da Liga das Nações

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Facebook FIGC

A última rodada da primeira fase da UEFA Nations League segue nesta quarta-feira (18) com mais partidas decisivas. Bósnia x Itália se enfrentam às 16h45, em jogo que pode colocar a Azzurra nas semifinais do torneio. E o Torcedores.com mostra como assistir ao jogo AO VIVO.

A partida entre Bósnia x Itália será transmitida pelo EI Plus na Internet. Com os direitos exclusivos da competição em solo brasileiro, os canais da Turner/EI oferecem a maioria dos jogos pela Web e algumas partidas seletas para seus canais na TV.

A Bósnia é lanterna da chave, com dois pontos, e já rebaixada para a Liga B. Buscando a primeira vitória, os comandados de Dusan Bajevic tentarão encerrar uma série negativa de resultados nas últimas partidas que fez.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Ahmedhozic, que esteve suspenso na última rodada, volta a ficar à disposição do treinador para o jogo desta quarta, tendo boas chances de entrar em campo. Hodzic e Preveljak disputam um lugar no ataque

Para a Itália ser semifinalista, terá de vencer a Bósnia e torcer para que a Holanda não vença a Polônia. Sem o técnico Roberto Mancini, que está em quarentena, cabe ao Alberigo Evani (auxiliar) comandar o time na chance de avançar para a fase decisiva.

Mas a Azzurra deverá superar vários desfalques, como os de Chiellini, Kean, Bonucci e Romagnoli, todos lesionados. Com isso, D’Ambrosio deve ganhar espaço na defesa nesta quarta. No ataque , mais uma vez Belotti é a opção para ser o homem-gol da equipe italiana

Confira as prováveis escalações de Bósnia x Itália

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?

Bósnia

Sehic; Cipetic, Ahmedhozic, Sanicanin e Kolasinac; Visca, Cimrot, Pjanic, Krunic e Gojac; Hozic (Prevljak)

Técnico: Dusan Bajevic

Itália

Donnarumma; Calabria, D’Ambrosio, Acerbi e Emerson Palmieri; Tonali, Jorginho e Barella; El Sharaawy, Insigne e Belotti

Técnico: Alberigo Evani (interino)