Jennifer Maia diz se ver confortável ao ser ‘zebra’ em duelo contra Shevchenko

Brasileira lutará contra quirguiz pelo cinturão dos moscas do UFC neste sábado (21)

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Facebook UFC Brasil

Jennifer Maia terá uma missão das mais difíceis neste sábado, em Las Vegas. A brasileira tentará ser a lutadora a encerrar o domínio de Valentina Shevchenko na divisão dos moscas do UFC, com o cinturão da divisão sendo defendido pela quirguiz.

Mesmo sendo considerada a ‘zebra’ da luta deste final de semana, Jennifer não sente qualquer pressão por tentar ser aquela a tirar o título de uma das lutadoras mais dominantes do Ultimate na atualidade. Para a peso-mosca, até tal posição a faz ficar mais tranquila na preparação para a luta.

“Isso até me favorece. Com o favoritismo todo do lado da Valentina, a pressão fica toda do lado dela. O pessoal talvez não tenha visto todo o meu histórico para ver que eu tenho potencial. Mas se eu cheguei lá, é porque eu tenho potencial de lutar com ela. Então, vou lá fazer meu trabalho sem pressão alguma”, declarou a brasileira ao Combate.

Jennifer Maia já até tem, inclusive, uma fonte de inspiração para poder buscar a vitória sobre Shevchenko: Holly Holm. No caso, a histórica vitória desta em cima de Ronda Rousey, em 2015, quando também era a ‘zebra’ diante de uma campeã dominante e saiu com a vitória.

“Com certeza me inspiro na Holly, quero surpreender. Não sabemos como essa vitória vai ser, se é por pontos, nocaute ou finalização, mas a gente quer surpreender. Há pouco tempo, tivemos o Thiago Marreta favorito contra o Glover Teixeira e o Glover foi lá e venceu. Acho que é mais gratificante quando a gente vai lá e vence aquela que é a favorita”, disse Jennifer.

LEIA MAIS

Rodrigo Minotauro é levado para hospital; ex-lutador tem suspeita de Covid

McGregor não lutará por cinturão em volta ao UFC, diz Dana White

(Crédito da foto: Divulgação/Facebook UFC Brasil)