Renato Gaúcho coloca Grêmio na briga do Brasileirão e ‘cutuca’ Atlético-MG, Flamengo e Fluminense

Renato Gaúcho elogiou a equipe que jogou ontem diante do Goiás, mas não conseguiu vencer o time goiano

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: Reprodução

Após o empate em 0x0 com o então lanterna, Goiás, Renato Gaúcho disse que o Grêmio ainda está na briga pelo Campeonato Brasileiro. O treinador ainda usou as 13 rodadas que faltam para o término da competição para fundamentar o seu argumento.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Tem tanta coisa para acontecer ainda… Não só com o Grêmio, mas com todas as outras equipes. Muita gente fala: ‘Ah, são nove pontos (de distância para o São Paulo). Nove pontos são três jogos. Tem 13 rodadas ainda e muita coisa para acontecer”, disse o treinador.

Renato Gaúcho ainda lamentou o calendário das equipes que ainda estão na disputa da Libertadores: “A vantagem das outras equipes que estão brigando pelo título (do Brasileiro), tirando Palmeiras e Santos, já que o Santos também está na Libertadores, é que elas só jogam aos finais de semana. Elas têm uma vantagem grande, pois podem recuperar jogadores, treinar com semana cheia. É uma vantagem muito grande” afirmou.

Ainda comentado sobre as demais competições, Renato aproveitou para cutucar o Atlético-MG, Flamengo e Fluminense que agora disputam somente o Campeonato Brasileiro: “Enquanto as equipes que estão na Copa do Brasil e na Libertadores estão se matando, muita gente só espera na sombra…”

Vale ressaltar que o Flamengo também disputava outras competições, mas foi eliminado para o São Paulo na Copa do Brasil e a caiu na Libertadores diante do Racing. As duas únicas equipes que ainda disputam três competições são o Palmeiras e o próprio Grêmio.

LEIA MAIS:

Apenas 3 times brasileiros eliminaram o Boca Juniors na Libertadores

Após empate com o Grêmio, Kaio Jorge e Cuca disparam contra a arbitragem: “Meteram a mão na gente”

Filipe Luís revela qual é o jogador mais difícil de marcar no Brasil