América-RN x Floresta AO VIVO: assista ao jogo decisivo que vale o acesso à Série C

Em desvantagem, o América-RN encara o Floresta em decisão pelo acesso e você assiste ao vivo aqui no Torcedores

Adriano Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Arena das Dunas, em Natal/ Divulgação (Arte: Adriano Oliveira)

Na tarde deste domingo (10), a partir das 16h00, o América-RN recebe o Floresta-CE na Arena das Dunas, em Natal, pelo segundo e decisivo jogo das quartas de final da Série D do Campeonato Brasileiro.

O duelo decisivo será transmitido ao vivo pela CBF TV por meio do MyCujoo oficial da Confederação Brasileira de Futebol e você assiste aqui pelo Torcedores (confira abaixo).

Na partida de ida, disputada na Arena Castelão, em Fortaleza, o Verdão abriu boa vantagem ao superar o Mecão pelo placar de 2 x 0. Os gols dos donos da casa foram marcados pelo meia Deysinho e o atacante Flávio Torres, artilheiros da equipe na competição.

Com o resultado, o Floresta se classifica para a fase semifinal e garante o acesso à Série C do Brasileirão com mais um triunfo, qualquer empate ou mesmo se perder por até um gol de diferença.

O América-RN precisa vencer por três ou mais gols de vantagem para avançar diretamente de fase e retornar à terceira divisão nacional depois de quatro anos. Se o time alvirrubro anotar dois tentos a mais que o adversário, a decisão será nas cobranças de penalidades.

Assista América-RN x Floresta AO VIVO, pelo jogo de volta das quartas de final do Brasileirão Série D, direto da Arena das Dunas, em Natal, a partir das 16h00 deste domingo (10). A transmissão começa minutos antes do horário de início programado:

LEIA TAMBÉM

SporTV e Premiere: saiba quais jogos serão transmitidos AO VIVO neste fim de semana

América-RN: lateral aposta em bom retrospecto em casa para reverter vantagem do Floresta e garantir o acesso à Série C

Meia do América-RN acredita em time pronto para reverter desvantagem e voltar à Série C

Treinador do Remo torce por “partida brilhante” contra o Paysandu e diz sobre árbitro: “que possa ser competente”