Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Arthur Caíke acerta parcelamento de salários atrasados com Cruzeiro

Atacante negociado com o Kashima Antlers acertou com a Raposa o recebimento de dívidas salariais mantidas pelo clube

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Site Oficial do Cruzeiro

Arthur Caíke deixou o Cruzeiro para jogar no Japão, onde atuará pelo Kashima Antlers. Mas antes de sair da Raposa, decidiu entrar num acordo com o clube mineiro devido a salários atrasados, segundo o Globoesporte.com

O acordo consiste no pagamento parcelado de todos os salários que o time ainda tem a pagar ao jogador. Atualmente, são dois meses completos (novembro e dezembro), além de partes de outubro e janeiro, 13º salário e férias. Estes serão pagos de forma mensal ao atacante.

“Falei com o (diretor) Deivid que eles tem alguns meses ainda atrasados. Se a gente acertar de 10, ficariam 20 dias do contrato do Arthur. E ele não é titular absoluto do Cruzeiro, eu disse que seria mais vantagem, queira ou não queira, se preocupar com a saúde econômica do clube. Hoje, economizar qualquer coisa é bem vindo. Eles entenderam e reconheceram a questão”, disse o agente de Arthur Caíke, Edson Neto.

“O que estava para trás a gente parcelou porque a gente sabia que o Cruzeiro não tinha condição de pagar de uma vez e o Arthur fez um acordo parcelado, por um longo tempo. Não tínhamos a necessidade de prejudicar o clube, ainda mais nesse momento complicado que o clube passa”, concluiu.

A saída de Arthur Caíke da Toca da Raposa foi motivada também pelo alto custo do jogador. Recebendo acima do teto e com valor fixado longe do que os mineiros poderiam arcar, a negociação foi bem vinda para aliviar o caixa do clube.

(Crédito da foto : Divulgação/Site Oficial do Cruzeiro)