Cruzeiro anuncia desligamento de Felipão; veja comunicado

Treinador viveu altos e baixos com o Cruzeiro na Série B

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Bruno Haddad/Cruzeiro

Contratado para ser o “salvador da pátria” do Cruzeiro, Felipão trouxe um fio de esperança em seu início no Cruzeiro. Porém, como o bom desempenho não se manteve, o clube irá seguir na Série B na próxima temporada. Sendo assim, antes da competição ser encerrada, o clube anunciou nesta segunda (25) o desligamento do treinador e seu estafe.

A decisão do vínculo ser rompido foi tomada em comum acordo com o time celeste. Apesar do motivo não ter sido indicado, o treinador estaria insatisfeito com questões internas, já que a Raposa ainda vive um momento conturbado nos bastidores. Portanto, a saída do técnico foi vista como a melhor opção para ambas as partes. Agora, o profissional fica livre no mercado e pode ser alvo de propostas em breve.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Veja abaixo a nota oficial do clube.

“O Cruzeiro Esporte Clube e Luiz Felipe Scolari decidiram, em consenso, terminar a segunda passagem do treinador multicampeão pela Raposa.

Colaborando com o Clube em seu momento mais desafiador na história, Scolari e sua comissão técnica cumpriram a importante missão de recuperar o Cruzeiro no Campeonato Brasileiro da Série B, tendo dirigido a equipe celeste em 21 partidas, somando nove vitórias, oito empates e quatro derrotas.

Considerando as duas passagens, Luiz Felipe Scolari dirigiu o Cruzeiro em 96 partidas, obtendo 49 vitórias, 31 empates e 16 derrotas.

O Cruzeiro agradece e reconhece todo o trabalho, dedicação e profissionalismo de Felipão e seu staff para com o Clube neste momento importante, e deseja toda sorte e felicidade ao técnico campeão do mundo e sua comissão.”